Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Primeiro-ministro tunisino acusado de colocar pessoas em prisão domiciliária sem acusação

Cinquenta advogados tunisinos acusam o primeiro-ministro tunisino, Youssef Chahed, de condenar pessoas à prisão domiciliária sem acusação prévia, segundo um comunicado publicado por este coletivo.

Os advogados baseiam-se numa recente declaração do ministro tunisino do Interior, Lofti Brahem, segundo a qual Chahed está a condenar pessoas à prisão domiciliária sem acusação prévia.

Segundo a nota, os 50 advogados decidiram “introduzir uma queixa contra o chefe do Governo Youssef Chahed e qualquer pessoa implicada no rapto e no aprisionamento domiciliária de cidadãos, de maneira ilegal, no quadro da luta contra a corrupção”.

O chefe do Governo tunisino anunciou, há mais de um ano, uma guerra contra empresários e agentes aduaneiros corruptos tendo já colocado pessoas prisão vigiada, refere-se. (Panapress)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »