InicioMundo LusófonoBrasilJustiça brasileira volta a negar pedido de liberdade de Lula

Justiça brasileira volta a negar pedido de liberdade de Lula

O antigo presidente vai assim permanecer preso.

Lula da Silva voltou a ver a justiça brasileira a negar-lhe novo pedido para ser libertado. Segundo o T5, o ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, decidiu negar o pedido de liberdade feito pela defesa de Lula e também rejeitou outro pedido para que o recurso seja julgado pela Segunda Turma da Corte e não em plenário.

A defesa do antigo presidente esperava conseguir uma decisão semelhante à que foi tomada esta terça-feira para o antigo ministro José Dirceu, que viu a Segunda Turma da Corte suspender a execução da sua pena.

“Em decisão devidamente fundamentada no regimento interno, o ministro relator Edson Fachin, exercendo os seus poderes de instrução e ordenação do processo, submeteu o julgamento do agravo ao plenário da corte, como autorizam os artigos 21 e 22. Não foi ferido o devido processo legal ou o princípio do juiz natural”, explicou Alexandre de Moraes.

Moraes considera que o plenário do Surpremo Tribunal Federal é o órgão “adequado para a solução de casos”.

Lula foi condenado a 12 anos e um mês de prisão na sequência do caso Lava Jato e encontra-se a cumprir a pena na prisão de Curitiba desde o dia 7 de abril. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.