Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Angola na 42ª sessão do Comité do Património Mundial no Bahrein

A República de Angola, através de uma delegação do Ministério da Cultura chefiada pela ministra Carolina Cerqueira, participa na 42ª sessão do Comité do Património Mundial, a ter lugar entre 24 de Junho a 4 de Julho, no Reino do Bahrein.

O encontro visa, entre outros objectivos, examinar os pedidos de assistência internacional financiados pelo Fundo do Património Mundial, os relatórios do Centro do Património Mundial e dos órgãos , do Centro do Património Mundial sobre as suas actividades e implementação das decisões do Comité do Património Mundial.

Os participantes vão ainda tomar conhecimento sobre a estratégia de fortalecimento da capacidade do Património Mundial e relatório de progresso sobre os centros da categoria 2 relacionados ao Património Mundial.

Em agenda consta igualmente abordagens sobre o estado de conservação dos bens do património mundial, das propriedades do Património Mundial inscritas na lista do Património Mundial em perigo e o estado de conservação de propriedades do Património Mundial inscritas na lista do Património Mundial.

O Comité do Património Mundial é composto por representantes de 21 Estados Partes do Convenção sobre a Protecção do Património Mundial, Cultural e Natural, eleita pelo Assembleia- Geral dos Estados Partes da Convenção, entre os quais Angola, Brasil, Tanzânia, Tunísia, Zimbabue, Cuba e Burkina Fasso.

O comité tem como tarefas identificar, com base em candidaturas apresentadas pelos Estados Partes, os interesses culturais e propriedades do valor universal excepcional que devem ser protegidas pela Convenção, e inscrever essas propriedades na Lista do Património Mundial, monitorizar o estado de conservação das propriedades inscritas na Lista do Património Mundial, em ligação com os Estados Partes; decidir quais propriedades incluídas na Lista do Património Mundial devem ser inscritas ou removidas da Lista do Património Mundial em Perigo e decidir se uma propriedade pode ser excluída da Lista do Património Mundial.

Nas suas incumbências consta ainda o estabelecimento da Lista do Património Mundial e da Lista do Património Mundial em perigo, as listas provisórias apresentadas pelos Estados Partes a partir de 15 de Abril de 2018, as nomeações para a Lista do Património Mundial, a actualização da Lista do Património Mundial e da Lista do Património Mundial em perigo, bem como prestar esclarecimentos de limites e áreas de propriedade pelos Estados Partes. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »