Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Primeiro-ministro tunisino acusado de colocar pessoas em prisão domiciliária sem acusação

Cinquenta advogados tunisinos acusam o primeiro-ministro tunisino, Youssef Chahed, de condenar pessoas à prisão domiciliária sem acusação prévia, segundo um comunicado publicado por este coletivo.

Os advogados baseiam-se numa recente declaração do ministro tunisino do Interior, Lofti Brahem, segundo a qual Chahed está a condenar pessoas à prisão domiciliária sem acusação prévia.

Segundo a nota, os 50 advogados decidiram “introduzir uma queixa contra o chefe do Governo Youssef Chahed e qualquer pessoa implicada no rapto e no aprisionamento domiciliária de cidadãos, de maneira ilegal, no quadro da luta contra a corrupção”.

O chefe do Governo tunisino anunciou, há mais de um ano, uma guerra contra empresários e agentes aduaneiros corruptos tendo já colocado pessoas prisão vigiada, refere-se. (Panapress)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »