Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Grupo de jovens manifesta-se sábado contra governaçao na Huíla

Grave crise social está na base da insatisfação

Um grupo de jovens promete sair à rua no próximo sábado, 19, no Lubango para protestar contra o que chamam de má governação de João Marcelino Tchipingui à frente da província angolana da Huíla.

A mobilização convocada há dias nas redes sociais começa a ganhar corpo e agora é assumida pelos promotores da manifestação.

A degradante situação social, com destaque para os sectores da saúde com a falta de medicamentos e consumíveis, a educação, com milhares de crianças fora do sistema de ensino, o frágil acesso à agua e luz na maioria dos bairros estão entre as várias razões da manifestação.

Manuel Andrade, um dos promotores, entende que o quadro actual exige acção.

“Se estamos a apresentar a nossa manifestação é porque estamos mesmo descontentes. Como é que o povo vai viver com esta situação toda? Estive em conversa com os meus pais e alguns tios meus e eles diziam que no passado sendo do Lubango orgulhavam-se de serem do Lubango porque era uma das cidades mais bonitas de Angola e hoje está tudo sujo, não há passeios”, justifica Andrade.

O protesto está ser encarado como um verdadeiro teste ao governo de João Marcelino Tchipingui depois da sua recondução pelo Presidente João Lourenço para o segundo mandato à frente dos destinos da Huíla.

A concentração dos manifestantes está agendada para a praça João Paulo II, de onde partirão até ao jardim próximo do ISCED-Huíla a escassos metros da sede do governo provincial.

Os organizadores da manifestação dizem ter entregue ao Governo local a carta a comunicar as motivações do protesto, uma situação igualmente já do conhecimento da Polícia Nacional, segundo apurou a VOA. (Voa)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »