Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Participação de diplomata angolano na inauguração da embaixada americana em Jerusalém leva a exoneração de Espírito Santo

O ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto, exonerou ontem, em despachos separados, o director para África, Médio Oriente e Organizações Regionais, Joaquim do Espírito Santo, e do ministro conselheiro da Embaixada de Angola em Telavive, Israel, João Diogo Fortunato

O chefe da diplomacia angolana justifica as exonerações com a “inobservância dos procedimentos da cadeia de tomada de decisão interna e que lesou o bom nome e imagem de Angola com países com os quais mantém uma histórica relação diplomática”.

Trata-se da participação do ministro conselheiro João Diogo Fortunato na inauguração da Embaixada dos Estados Unidos da América (EUA) em Jerusalém, com a anuência de Joaquim do Espírito Santo, até então director para África, Médio Oriente e Organizações Regionais do Ministério das Relações Exteriores.

Os Estados Unidos transferiram, na semana passada, a sua Embaixada em Israel de Telavive para Jerusalém, o que gerou uma onda de protestos e uma escalada de violência na Faixa de Gaza.

Para a cerimónia foram convidados 86 embaixadores e encarregados de negócios, 40 dos quais aceitaram, mas a maioria dos Estados europeus não esteve presente por não concordar com a mudança da embaixada de Telavive para Jerusalém, que rompe o consenso da comunidade internacional. Entre os países que declinaram o convite estavam Espanha, Reino Unido, França e Itália. (Jornal de Angola)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »