Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Governo brasileiro confirma emissão de passaportes a favor de líderes norte-coreanos

Kim Jong-un e Kim Jong-il tinham os nomes de Josef Pwag e Ijong Tchoi

O Ministério das Relações Exteriores (MRE) do Brasil informou que o líder norte-coreano Kim Jong-un e o seu pai, Kim Jong-il, tiveram passaportes brasileiros emitidos no Brasil pela Polícia Federal.

Eles usaram os nomes de Josef Pwag e Ijong Tchoi a partir dos passaportes que a embaixada brasileira em Praga, na República Tcheca, emitiu em 1996i.

A informação sobre a emissão de passaportes no Brasil para os líderes norte-coreanos foi publicada em reportagem do jornal “O Globo”.

Procurado pelo G1, o Itamaraty confirmou a informação.

Segundo o MRE, após a pesquisa nos arquivos, “verificou-se que os passaportes em nome de Josef Pwag e de Ijong Tchoi foram emitidos regularmente pela Embaixada do Brasil em Praga, em 26 de Fevereiro de 1996, com validade até 25 de Fevereiro de 2006, em substituição a passaportes anteriores emitidos no Brasil”.

As normas em vigor à época para concessão de novo passaporte comum dispensavam a apresentação de documento de identidade “caso o interessado apresentasse passaporte anteriormente expedido”, disse o Ministério

Questionado sobre os documentos emitidos no Brasil, o MRE afirmou que a questão deve ser tratada com a Polícia Federal, que ainda não se pronunciou.

Em Fevereiro, a agência de notícias Reuters divulgou imagem de uma cópia de um passaporte brasileiro emitido para Kim Jong-un.

Fontes de segurança da Europa disseram à agência que ele e seu pai e antecessor, Kim Jong-il, usaram passaportes brasileiros, obtidos de maneira fraudulenta, para pedir vistos para países do Ocidente na década de 1990. (Voa)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »