Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Cuba defende Maduro e Lula na Cúpula das Américas

Cuba rechaçou neste sábado (14) a exclusão da Venezuela da Cúpula das Américas em Lima e pediu a liberdade do ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva, a quem consideram um “preso político”, em um discurso do chanceler Bruno Rodríguez no encontro.

“A exclusão do presidente Nicolás Maduro desta cúpula é uma afronta a todos os povos de nossa América e um retrocesso histórico imposto pelo actual governo dos Estados Unidos”, afirmou o chefe da diplomacia cubana, que representa o presidente Raúl Castro.

“Estamos aqui para defender sua livre determinação e para reiterar a invariável solidariedade de Cuba com a união cívico-militar bolivariana e chavista do povo venezuelano”, afirmou Rodríguez.

O chanceler denunciou que a luta contra a corrupção, tema central desta Cúpula, se tornou “uma arma política”, que foi usada contra Lula no Brasil.

“Usam a luta contra a corrupção como uma arma política. Os procuradores e juízes agem como partidos políticos”, declarou.

“Impedem que os eleitores votem por candidatos com forte apoio popular, como é o caso do presidente preso político Luiz Inácio Lula da Silva, cuja liberdade pedimos”, acrescentou o chanceler aos presentes, entre eles o presidente Michel Temer.

O chanceler cubano foi um dos poucos a elogiar as polémicas eleições venezuelanas, nas quais Maduro tenta a reeleição.

“Desejamos sucesso na próxima eleição presidencial na Venezuela”, concluiu Rodríguez. (Afp)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »