Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Sentença de angolanos que desviaram combustível

Tribunal Provincial da Região da Huíla, sul de Angola, deve ditar hoje, a sentença dos vinte e nove réus, acusados de desviarem cisternas de combustível penalizando o estado angolano. Os 29 acusados comercializaram o combustível no mercado informal, desviando entre Janeiro e Dezembro de 2017, camiões cisternas com cerca de 4 milhões de litros de gasóleo.

O Tribunal Provincial da Região da Huíla, sul de Angola, deve ditar hoje, a sentença dos vinte e nove réus, acusados de desviarem cisternas de combustível, avaliados em mais de dois milhões de dólares.

Os acusados que comercializavam o combustível no mercado informal, desviaram entre Janeiro e Dezembro de 2017, camiões cisternas com cerca de 4 milhões de litros de gasóleo, destinados a centrais térmicas da região da Huíla.

Dois dos réus foram julgados à revelia. Estão entre os acusados agentes das forças de segurança que facilitavam o contrabando de combustível, lesando o Estado.

A frequente falta de combustível nas regiões do interior de Angola, tem influenciado o negocio ilícito.

Grupos de comerciantes protegidos por militares e polícias, também, estão envolvidos no tráfico de combustível para os países vizinhos, nomeadamente, Congo democrático, Zâmbia e Namíbia.

Sem capacidade de refinação, Angola importa mais de 70 por cento do combustível para as suas necessidades internas. (Rfi)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »