Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

RDC/ Crise política: O CLC dá ultimato à ONU até 30 de Abril ou retoma as manifestações

O Comité de coordenação dos láicos católicos (CLC) da Republica Democrática do Congo (RDC) deu um ultimato ao Conselho de segurança da ONU, para resolver definitivamente a crise política que assola o país.

Numa carta que enviou à 10 de Março àquela organização inter-governamental mundial, o CLC ameaça retomar as manifestações pacíficas, que já provocaram mais de 20 mortos, por causa da repressão das forças da ordem, indica o comunicado citado nesta segunda-feira 18, pelo site congolês de informação, 7sur7.cd.

Os laicos católicos acusam o Presidente Joseph Kabila e os seus partidários de estarem na base da crise política na RDC.

Para o efeito, pressionam a ONU para que essa encontre meios mais eficazes visando a aplicação de acções e de medidas existentes, mormente o acordo da São Silvestre e a resolução 2348, da ONU, refere o site.

O CLC aponta ainda o respeito da data da organização das eleições gerais, marcadas para o dia 23 de Dezembro de 2018, que deve ser considerada por todos como a última, não podendo ser alterada, independentemente das circunstâncias.

Defende igualmente a aplicação de medidas para uma harmonização política, nomeadamente a cessação da duplicação dos partidos políticos, a liberação dos presos políticos, a cessação das perseguições judiciárias contra os opositores e os exilados políticos, o levantamento da suspensão das manifestações políticas, a libertação dos espaços públicos e a reabertura da Média próxima da oposição.

De igual modo, os Láicos católicos congoleses defendem a credibilização e a redinamização do processo eleitoral, a reestruturação da CENI e o seu funcionamento, bem como solicita à ONU para que renove e reforce significativamente mandato da ONU. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »