Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Conheça a Vera, a robô que contrata humanos

A Vera já trabalha para ‘monstros’ como a Pepsi ou a Ikea e consegue cortar para um terço o tempo gasto em processos de recrutamento.

Na última edição da Web Summit, ouviu-se uma das profecias mais assustadoras dos tempos modernos: “Não vamos destruir o mundo, vamos ficar com os vossos empregos”, dizia a robô Sophia perante uma Altice Arena sobrelotada de humanos. Menos de um ano depois, eis que nasceu a Vera, uma conterrânea de Sophia que, também movida a inteligência artificial, não veio para nos tirar mas sim para dar emprego.

Esta robô foi criada por uma startup russa, a Stafory, e já trabalha para grandes nomes do setor empresarial – entenda-se ‘monstros’ como a Pepsi, L’Oréal ou Ikea -, ajudando-os a reduzir, de forma significativa, o tempo despendido em processos de recrutamento.

Segundo os seus criadores, Vladimir Sveshnikov e Alexander Uraksin, a Vera consegue entrevistar centenas de candidatos ao mesmo tempo, seja por chamadas de vídeo ou de voz, e ainda apurar os finalistas mais aptos para a vaga em causa, que serão, já na fase final, entrevistados por humanos. Pondo em perspetiva, esta robô reduz em um terço o trabalho das grandes empresas na tarefa de encontrar novos talentos.

Ou, por outras palavras (ou números), num espaço pouco superior a um ano, a Vera já fez mais de 2.300 entrevistas e analisou mais de um milhão de currículos. Citado pela Bloomberg, Uraksin diz que a ideia nasceu porque, tanto ele como Sveshnikov se sentiam “robôs de nós próprios”, sendo a solução mais eficaz a “automatização da tarefa”. Já com grandes nomes na lista de clientes, as perspetivas da Stafory não podiam ser mais ambiciosas – para este ano, a jovem empresa espera que as suas receitas ultrapassem um milhão de dólares, o equivalente a 805 mil euros. (Dinheiro Vivo)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »