Radio Calema
InicioMundo LusófonoPortugalCatarina Martins pede prudência ao Governo na questão sobre espião russo

Catarina Martins pede prudência ao Governo na questão sobre espião russo

A líder do Bloco de Esquerda , Catarina Martins, condena a forma como ocorreu a tentativa de eliminação de uma pessoa, mas pede prudência nas posições a tomar face ao caso que envolve o envenemanebto do espião russo.

As primeiras declarações do ministro dos negócios estrangeiros, Augusto Santos Silva, referem que a decisão do governo português, no caso do espião envenenado, está em curso.

Para Catarina Martins seguir as posições que estão a ser tomadas pela Europa, no caso das expulsões diplomáticas, não são para a bloquista a melhor atitude.

Em declarações à agência Lusa, Augusto Santos Silva explica que a decisão portuguesa sobre este assunto vai ter em conta o interesse nacional, europeu e da aliança atlântica.

O chefe da diplomacia portuguesa garantiu ainda que a posição nacional sobre o caso do espião envenenado será tomada sem precipitação, com autonomia, com prudência, mas também com firmeza. (RTP)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.