Radio Calema
InicioMundoEuropaFrança e Índia reforçam parceria estratégica e assinam contratos

França e Índia reforçam parceria estratégica e assinam contratos

No âmbito da sua visita à Índia, que segundo a presidência francesa tem como objectivo reforçar a parceria estratégica, o Presidente Emmanuel Macron,assinou vários acordos com as autoridades de Nova Deli no valor de mais de dez mil milhões de euros, nomeadamente nos domínios da energia, do meio ambiente e da defesa.Pela ocasião o Chefe de Estado francês realçou, que a parceria estratégica iniciada há 20 anos com a Índia atingiu um alto nível, graças à cooperação em matéria de defesa.

A partir de agora a cooperação entre os nossos países, em matéria de defesa, tem um novo significado, afirmou o Presidente francês Emmanuel Macron. De acordo com Macron, a nova cooperação militar entre a França e a Índia prevê a utilização mútua das bases navais de ambos os países.

Os analistas consideram que esta cláusula é uma resposta às ambições territoriais da China. Reagindo na matéria,o Primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, afirmou que nos próximos tempos o oceano Índico tornar-se-á um elemento crucial para a estabilidade do mundo.

Em matéria de cooperação técnica, a França e a Índia assinaram também um protocolo para a realização de um projecto nuclear na região de Jaipatur, no estado de Maharastra.

O projecto inclui a construção de seis reactores nucleares e o acordo tinha sido originalmente assinado em 2010 pelo o então presidente Nicolas Sarkozy. Na época os ambientalistas indianos pronunciaram-se contra a construção dos reactores, justificando as características sísmicas de Jaipatur.

Emmanuel Macron e o Primeiro-ministro, Narendra Modi, afirmaram que as obras para a concretização do projecto nuclear terão início em fins de 2018

Acordos foram igualmente assinados nos domínios do espaço e das energias limpas. A França e Índia concluíram acordos que avolumam um total de 13 mil milhões de euros. (Rfi)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.