Radio Calema
InicioAngolaPolíticaSerguey Lavrov aguardado em Luanda

Serguey Lavrov aguardado em Luanda

O reforço da cooperação entre a Federação da Rússia e a República de Angola estará no centro dos encontros que o chefe da diplomacia deste país europeu, Serguey Lavrov, terá com as autoridades angolanas a partir desta segunda-feira (5).

De acordo com uma nota do Ministério das Relações Exteriores (Mirex) a que a Angop teve acesso esta sexta-feira, no âmbito da deslocação à capital angolana do chefe da diplomacia russa terão lugar, neste mesmo dia, conversações oficiais entre delegações dos dois países.

O documento acrescenta que as conversações serão precedidas de um encontro bilateral, entre os dois chefes das delegações, no caso o ministro angolano das Relações Exteriores, Manuel Augusto, e o seu homólogo russo, Serguey Lavrov, no quadro da qual estarão em análise assuntos da agenda político-diplomática mundial, continental e regional.

Durante a sua estadia no país, o responsável da diplomacia russa será ainda recebido, em audiência, neste mesmo dia, pelo Presidente da República de Angola, João Manuel Gonçalves Lourenço.

As relações privilegiadas existentes entre a República de Angola e a Federação da Rússia conheceram o seu ponto alto em 1976, altura em que os dois países assinaram o Tratado de Amizade e Cooperação.

De 1976 até ao presente momento, as relações entre os dois países passaram por diferentes etapas de cooperação, sendo actualmente mais significativas nos sectores da Energia, Geologia e Minas, Ensino Superior, Formação de Quadros, Defesa, Interior, Telecomunicações e Tecnologias de Informação, Pescas, Transportes, Finanças e Banca.

Actualmente, estima-se que cerca de mil russos residem em Angola, enquanto pelo menos mil e 500 angolanos vivem na Rússia. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.