Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Raptor de criança é julgado no Cuito

O tribunal provincial do Bié deu, hoje, segunda-feira, no Cuito, ao início do julgamento do cidadão Abel Soares da Conceição Feijó, de 22 anos de idade, acusado de ter raptado uma criança, em Junho de 2017, pedindo à família oito milhões de Kwanzas pelo resgate, apurou a Angop.

Durante a sessão de abertura do julgamento, o juíz da causa, Hélder Vicente da Silva, esclareceu que o arguido foi motivado pelo lucro fácil e ganância desmedida, considerando a conduta de ilícita e punível por lei.

O representante do Ministério o público junto do tribunal, o sub-procurador Matos Cardoso detalhou que o arguido, natural de Luanda, escalou a cidade do Cuito em Maio de 2016, em busca de melhores condições de vida.

Em 19 de Junho de 2017, Abel Soares da Conceição Feijó dirigiu-se à escola nº314, na cidade do Cuito, onde raptou o menor João Manico Cossengue, de 9 anos de idade, alegando que era amigo de seu pai.

Segundo os lautos precisou, o menor aceitou segui-lo sem no entanto, apresentar alguma resistência, seguindo a bordo de uma motorizada para o bairro Catraio, arredores desta cidade, numa residência alugada para efeito sem as mínimas condições de habitabilidade.

Consumada acção (capctura) precisou, o acusado por vias de telefonemas e mensagens e em tom ameaçador exigia aos progenitores o referido o valor e Oito milhões Kzs, alegando que, se não o disponibilizassem, transferiria o petiz para o exterior do país.

Entretanto, numa primeira fase, o pai desesperado, procedeu ao depósito de uma quantia de dois milhões e 100 mil kwanzas numa conta por ele indicada, depois de receber garantias de resgatar o filho na província do Huambo.

Agentes dos Serviços de Investigação Criminal (SIC), envolvidos na causa, revelaram à Angop que foi possível identificar o cidadão através das contas bancárias por ele utilizadas na operação, razão pelo qual foi detido na capital do país (Luanda).

O menor foi resgatado 48 horas depois pais e entregue aos familiares no dia 21 de Junho de 2017. (Angop)

1 comentário
  1. SMA Diz

    É de um nível de estupidez inimaginável, este site divulgar o rosto da vitima que é menor de idade em vez do criminoso que é maior.
    É criminoso, insensato, de mau gosto e de qualidade jornalística pior ainda!

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »