Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Palancas de “olhos nos quartos” esboçam táctica para o Congo

Pressão alta, transições rápidas a partir da defesa e uma maior fluidez nas alas foram alguns dos aspectos verificados no treino de hoje da selecção nacional, que prepara o jogo de quarta-feira contra o Congo Brazzaville, para a terceira e última jornada do grupo D do CHAN’2018, que decorre em Marrocos.

Depois de segunda-feira terem efectuado uma sessão de recuperação, em função do desgaste físico empreendido na vitória, domingo, frente aos Camarões (1-0), hoje os Palancas Negras, a pensarem já no possível apuramento aos quartos-de-final, trabalharam igualmente o sector mais avançado, por forma a concretizarem as oportunidades que vêm surgindo.

O seleccionador Srdjan Vasiljevic priorizou as cobranças de livres e os cruzamentos, efectuados quer pelo lateral Mira quer pelo médio atacante Job, onde surgiam Fofó, como primeira opção, e depois Moco e Caporal, na área a finalizar.

A defesa também mereceu atenção do sérvio, com marcações altas e uma pressão sobre o homem com bola.

A sessão, que começou com os habituais exercícios físicos, terminou com um jogo treino em campo reduzido, onde notava-se várias movimentações rápidas dos futebolistas, o que vem mostrar que os mesmos estão já recuperados fisicamente.

Com a excepção de Almeida, que continua a trabalhar limitado, todos os outros jogadores treinaram a cem porcento.

O técnico apelou à prudência aos atletas, em função das expectativas que se vivem neste momento, em que o combinado nacional está préstimo a garantir a qualificação à próxima fase.

“ Com certeza queremos passar de fase, mas nada ainda está garantido, por isso toda cautela é necessária”, admitiu.

Angola e Congo Brazzaville jogam, em Agadir, às 19h30, mesmo horário da outra partida do grupo entre Camarões e Burkina Faso, a acontecer na cidade de Tanger.

A selecção nacional precisa apenas de empate para se apurar. Tem quatro pontos, em segundo, menos dois do Congo, em primeiro. Burkina Faso tem um e os Camarões, já fora da fase seguinte, ainda não pontuou. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »