Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Vidigal treina selecção da diáspora

O Jornal dos Desportos, em parceria com a Claque Magazine, inicia hoje a publicação de uma página em que se retrata o desempenho dos futebolistas angolanos que evoluem fora dos nossos limites geográficos. Semanalmente, à quinta-feira, procuraremos dar conta aos leitores dos jogadores angolanos que profissionalmente vivem o futebol com paixão, e diplomaticamente elevam o nome de Angola em cada campo, estádio, campeonato ou país em que estão radicados. Nesta primeira edição da rubrica “Embaixadores do Futebol Angolano”, damos nota dos jogadores que em 2017 mais se destacaram além-fronteiras.

Lito Vidigal
É provavelmente o treinador angolano com mais mercado. Cotado como um dos melhores na praça lusa, o antigo defesa dos Palancas Negras começou o ano a despedir-se do Auroca FC para em seguida rumar para uma nova aventura pelos israelitas do Maccabi Tel-Aviv, com o qual somou 11 vitórias, em 17 jogos. De volta a Portugal, assumiu o D. das Aves.

DEFESA
LAZIO

Bastos Quissanga
O jogador foi eleito o melhor jogador angolano na diáspora, foi distiguido na gala dos Prémios de Futebol Palancas Negras de 2017, que foi organizada pela Federação Angolana de Futebol (FAF). Na sua primeira experiência italiana, fez 773 minutos em 11 jogos, mais 233 minutos na Coppa Italia, na presente época e soma três golos em 1441 minutos, fruto de 18 jogos, entre a Liga Italiana, Europa League e Coppa Italia. É o principal porta bandeira do futebol angolano além -fronteiras.

MÉDIO
LEIHÕES

Evandro Brandão
Depois da bem sucedida campanha ao serviço da Associação Desportiva de Fafe, onde apontou 11 golos em 37 jogos, o antigo jogador do Libolo e do Kabuscorp foi na reabertura de mercado o principal rosto entre os reforços do Leixões Sport Club, para onde rumou e rapidamente se afirmou ao marcar quatro golos em 2033 minutos, fruto de 24 jogos, entre a Ledman LigaPro, Taça de Portugal e Taça da Liga, contribuiu para a actual quarta posição na classificação da IIª Liga. Foi finalista na Gala dos Prémios de Futebol da FAF.

MÉDIO
BENFICA

Florentino Luís
Aos 18 anos, o jovem benfiquistas iniciou a época a alternar entre os júniores e a equipa B, em que somou 22 jogos. Na presente época, conta com 2333 minutos em 30 jogos, distribuídos entre a UEFA Youth League, U23 Premier League International Cup, Ledman LigaPro e os jogos pelas selecções Tuga, como Amigáveis Seleções [Oficiais] e Euro U19. Florentino Ibrain Morris Luís é uma das principais unidades na equipa orientada pelo também angolano Hélder Cristóvão.

AVANÇAdo
SPORTING

Gelson Dala
O actual avançado do Rio Ave, por empréstimo dos Leões , chegou a Alcochete em Dezembro de 2016 para jogar no segundo turno da época 2016/17, acabou por jogar na Equipa B, onde apontou 13 golos em 1341 minutos, fruto de 18 jogos, um dos quais pela equipa principal. Rapidamente, despertou o interesse de muitas equipas e a expectativa é grande.

GUARDA-REDES
FARENSE

Hugo Marques
Chegou ao Sporting Clube da Covilhã na época 2016/17, depois de cinco épocas no Girabola, realizou 13 jogos e as suas exibições despertaram o interesse do Sporting Clube Farense. Mal assinou o contrato, rapidamente, tornou-se “dono e senhor” da baliza e para muitos, o melhor guarda-redes no Campeonato de Portugal, com quatro golos sofridos em 1530 minutos.

DEFESA
CHARLEROOI

Pedro Mendes
Depois de passar por momentos menos bons, entre a transferência do Clube Oriental de Lisboa para o Clube Desportivo Pinhalnovense, a reabertura de mercado ofereceu ao antigo jogador do Libolo, nova experiência fora de Portugal para brilhar no país do “Drácula”, ser uma das principais referências do Clubul Sportiv Muncitoresc Studentesc Iasi da Roménia, onde apontou três golos em 1210 minutos, fruto de 18 jogos. O médio tem recebido muitos elogios.

MÉDIO
CSMS LASI

Rafael Leão
Jovem jogador de 18 anos começou a época a brilhar nos júniores de Alvalade, grangeou da oportunidades de titular na equipa B, onde várias vezes ao lado dos compatriotas Ary Papel e Gelson Dala somou um total de 16 golos em 1653 minutos, fruto de 29 jogos, entre o Campeonato de júniores, Ledman LigaPro, Amigáveis Seleções entre outras provas, com realce para a Taça de Portugal.

AVANÇAdo
SPORTING

Núrio Fortuna
Por empréstimo do Sporting de Braga chegou aos cipriotas do AEL Limassol e logo no ano de estreia somou 36 jogos com excelentes performances, que serviram de passaporte para fazer parte do 11 ideal do ano naquele país. Despertou o interesse de Bianchi, que o convocou para a operação Marrocos, entretanto, acabou por ser preterido. Foi cobiçado por vários clubes mas acabou por reforçar o Royale Charleroi Sporting Club.

MÉDIO
PAOK

Djalma Campos
Apesar das lesões que o acompanham ao longo do ano, o internacional angolano, filho de Abel Campos, antiga estrela do Petro de Luanda e Benfica de Lisboa, recebe rasgados elogios da crítica grega, é uma das principais referências atacantes do PAOK, na época 2016/17, principalmente na segunda etapa, bem como nesta primeira etapa da época 2017/18, soma até ao momento 15 jogos, quatro dos quais a contar para a Europa League [Qual.].

DEFESA
GENK

Clinton Mata
O atleta, considerado melhor jogador ao serviço do Royale Charleroi Sporting Club, agitou o mercado de transferência em Junho/Julho. Está na lista das preferências de clubes como os ingleses do Newcastle United, os belgas do Gent e Anderlecht, os holandeses do Feyenoord e os franceses do Nice e Marselha. Transferiu-se por empréstimo para o Koninklike Racing Club Genk, também da Bélgica, onde soma 1192 minutos, em 16 jogos.

DEFESA
GIRONA

Jonás Ramalho
Apontou 2 golos em 31 jogos, que ajudaram a promoção do Girona Futebol Club a La Liga, ao classificar-se em 2º lugar da Liga Adelante. Na La Liga, depois de ter não ter feito parte dos primeiros quatros jogos, estreou-se com derrota diante do Barcelona, por 0-3, de lá para cá, soma 677 minutos em oito jogos com mais 180 minutos na Copa del Rey.

SUPLENTOS
Carlos Fernandes
Aos 38 anos, o histórico guarda-redes do inesquecível Angola vs Mali continua a ser um nome de respeito nas balizas portuguesas, depois de dois anos no Girabola encontrou no União Desportiva Vilafranquense Futebol, clube em que começou a carreira, que foi a porta para o regresso ao futebol europeu. Sofreu 13 golos em 1380 minutos, em 15 jogos e ajudou o clube a manter a segunda baliza menos batida e ocupar a segunda posição na classificação do Campeonato de Portugal Série D.

Marco Airosa
Aos 33 anos, o capitão do Athlitiki Enosis Lemesou é dos jogadores angolanos mais bem sucedido no Chipre. Na época passada, ajudou a equipa a atingir o quarto lugar da Liga cipriota, e a garantir a classificação para a Europa League. Nesta época, soma 1631 minutos em 19 jogos, cinco dos quais para a Europa League.

Jonathan Buatu
Começou a época, com o título de uma das melhores unidades no sector defensivo, mas as lesões dificultaram-no no arranque desta temporada, pelo que foi a segunda opção. Já recuperado, soma até agora 690 minutos em nove jogos.

Valdomiro
Tualungo Paulo Lameira “Estrela” Esteve entre as três melhores unidades do Varzim Sport Clube, na época 2016/17, com fez um golo em 2726 minutos, fruto de 32 partidas. Despertou a atenção de muitos clubes, mas o Varzim conservou -o nas suas hostes. Devido a uma lesão está afastado dos últimos jogos, soma 834 minutos em 10 jogos.

Angel Gomes
A par de Jonathan Panzo, é tal como o pai Gil Gomes, os únicos campeões do Mundo em Futebol. O pai, por Portugal em U20, na famosa geração de “ouro”, e o filho, recentemente pela England, em U17. Num ano em que se estreou pela equipa principal do Manchester United com apenas 16 anos e 263 dias de idade, fez história ao tornar-se o mais jovem jogador do Manchester United a actuar na Premier League, depois de substituir aos 88 minutos, Wayne Rooney, na victória caseira, por 2-0, diante do Crystal Palace.

Hélder Costa
O antigo jogador do Sport Lisboa e Benfica, Desportivo de La Coruña e Mónaco, foi dos melhores jogadores do Wolverhampton, na época 2016/17, foi distinguido com 4 nomeações na gala do Wolverhampton, o que valeu a assinatura de um contracto em definitivo pelos Wolves, em que o clube inglês pagou 15 milhões de euros ao Benfica pela sua contratação, depois de antes se juntar aos ingleses, por empréstimo.

Jordi Hiwula
O ano de 2017, para o jogador formado no Manchester City, começou com golo pela qual o Bradford City venceu por 1-2. Daí em diante somou boas exibições, terminou a época com 12 golos em 49 jogos, que despertou interesse do Fleetwood Town, que o contratou por empréstimo. Soma oito golos em 1824 minutos, num total de 32 jogos, entre League One, FA Cup, League Cup e EFL Trophy. (Jornal dos Desportos)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »