Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Prazo para troca de cinco chapas de notas de escudos termina na sexta-feira

Há ainda notas de escudo, no valor aproximado de 47 milhões de euros, por trocar.

O prazo para troca de cinco chapas de notas de mil, dois mil, cinco mil e dez mil escudos termina na sexta-feira, continuando em posse do público 4,2 milhões destas notas, no valor de 46,6 milhões de euros.

Segundo adiantou à agência Lusa fonte do Banco de Portugal (BdP), estas cinco chapas de notas de escudo destas quatro denominações que no final de novembro ainda se encontravam em posse do público prescrevem em 01 de janeiro de 2018, “o que significa que deixam de poder ser trocadas por euros”, sendo 29 de dezembro (inclusive) a data limite para troca nas tesourarias do banco central.

Em causa estão 2,7 milhões de notas de mil escudos-chapa 12 com a efígie de Teófilo Braga, 500 mil notas de dois mil escudos-chapa 1 com a efígie de Bartolomeu Dias, 700 mil notas de cinco mil escudos-chapas 2/2A com a efígie de Antero de Quental e 200 mil notas de dez mil escudos-chapa 1 com a efígie de Egas Moniz.

Todas estas notas foram retiradas de circulação em 31 de dezembro de 1997, sendo que as notas de mil escudos-chapa 12 entraram em circulação em 04 de agosto de 1988, as notas de dois mil escudos-chapa 1 circularam a partir de 23 de outubro de 1991, as notas de cinco mil escudos-chapa 2 e chapa 2A entraram em circulação em 28 de setembro de 1987 e em 30 de março de 1989, respetivamente, e as notas de dez mil escudos-chapa 1 se estrearam em 02 de outubro de 1989.

De acordo com o BdP, até 30 de abril de 2018 (inclusive) podem ainda ser trocadas as notas de 500 escudos-chapa 12 e, até 29 de fevereiro de 2022 (inclusive), as notas de 500 escudos-chapa 13, mil escudos-chapa 13, dois mil escudos-chapa 2, cinco mil escudos-chapa 3 e 10 mil escudos-chapa 2.

Em 30 de novembro passado encontravam-se ainda em posse do público 15,3 milhões destas notas, correspondentes a 107,1 milhões de euros. (Jornal Económico)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »