Iraque quer que mundo pague um Plano Marshall para reconstruir o país

O ministro dos Negócios Estrangeiros iraquiano, Ibrahim Al-Jaafari, afirmou na quinta-feira que o Iraque precisa de um Plano Marshall para a sua reconstrução, acentuando que “o mundo deve isso” ao seu país.

“Peço à comunidade internacional que nos ajude, como fez para combater o Daesh” (acrónimo árabe do grupo Estado Islâmico, declarou o ministro durante o colóquio Roma Med sobre o diálogo no Mediterrâneo.

O Iraque combateu no quadro de uma “guerra mundial”, pelo que “o mundo deve hoje apoiar” o Iraque, acrescentou o ministro, aludindo às numerosas nacionalidades dos combatentes estrangeiros que integraram as fileiras do Daesh.

Este grupo, salientou Al-Jaafari, “já não é uma ameaça estratégica”, que convidou a comunidade internacional a ajudar o país a reconstruir as suas cidades, hoje em ruína, como a de Mossul, à imagem do que foi feito pelas cidades alemãs depois da Segunda Guerra Mundial.

“Isso revelou-se muito útil para fazer cessar as tensões na região. Ora, o Daesh concentra-se nos territórios onde existem tensões”, acentuou o ministro iraquiano. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »