Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

“Guerra das Estrelas: Os Últimos Jedi” já foi visto em LA

Os “últimos Jedi” e novas personagens como o novo vilão “BB-9E” desfilaram pela passadeira vermelha na antestreia mundial do mais recente episódio da “Guerra das Estrelas”.

O oitavo episódio da saga espacial iniciada por George Lucas há quatro décadas segue a evolução de “Rey”, a nova heroína numa história de ficção científica com alguns paralelismos com a atual realidade em Hollywood, onde diversas mulheres têm vindo a ganhar força para denunciar casos de assédio sexual.

A atriz Daisy Ridley, que encarna a nova aprendiz de “Jedi” na presente trilogia, reconhece os “paralelismos incríveis” entre a ficção e a realidade.

“Por exemplo, com uma pessoa muito poderosa que menospreza as mulheres. Noto os paralelos. Não escrevi a história nem sei se o [realizador] Rian Johnson o fez de forma deliberada. Ele escreveu o filme há dois anos e meio e por isso é um pouco estranho tudo isto a acontecer agora”, afirmou Daisy Ridley.

“Rey” é a nova heroína de uma saga onde até aqui tinha brilhado a “Princesa Leia”. O novo episódio é o primeiro a estrear após a morte de Carrie Fisher. A atriz que deu corpo à líder da “resistência” e irmã de “Luke Skywalker” morreu há um ano e foi homenageada no final desta primeira apresentação de “Os últimos Jedi”.

Após a morte de “Han solo” no primeiro episódio desta nova trilogia, a personagem de Fisher também deverá agora abandonar as aventuras “numa galáxia muito, muito distante.”

(Euronews)
Rian Johnson ficou de fora do episódio IX, cuja direção vai voltar a estar a cargo de JJ Abrahams, que já havia liderado o episódio VII, “O Despertar da Força”. Johnson já está contudo a preparar uma nova trilogia para a saga, na qual já não deverá haver ligação à família “Skywalker.”

“Ainda estou à procura de encontrar o fio à meada. Mas o que me motiva é a ideia de descoberta, encontrar um novo contexto, novos lugares, novas personagens e uma nova história. É isso que me entusiasma”, assumiu o realizador eleito para dar continuidade à “Guerra das Estrelas.”

A nova sequência tripartida ainda não tem data prevista de lançamento. Para já, sabe-se apenas que em maio sai mais um “spin off” da saga, a história paralela de “Han Solo”, e em dezembro de 2019 é fechada a presente trilogia com o episódio IX.

“Guerra das Estrelas: Os últimos Jedi”, por seu turno, tem estreia mundial no circuito comercial marcada para 14 de dezembro. Até lá, que a Força esteja convosco. (Euronews)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »