Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Governo garante ter o satélite sob controlo e promete informação oficial “nas próximas 8-16 horas”

A agência de notícias russa divulgou hoje a informação de que a Rússia perdeu o contacto com o AngoSat-1, o primeiro satélite angolano, lançado ontem no Cazaquistão. O Governo angolano já reagiu a esta notícia, garantindo que tem a situação sob controlo.

O secretário de Estado para as Tecnologias de Informação, Manuel Homem, assegurou ao início da tarde de hoje, em Luanda, que o AngoSat-1 “fez o seu percurso normal”, acrescentando que o satélite “está na órbita para a qual foi planificado”.

Numa curta declaração aos jornalistas, à saída da reunião ordinária do Conselho de Ministros, realizada esta manhã no Palácio Presidencial da Cidade Alta, o governante garantiu que Angola tem o satélite “sob controlo”.

Sem avançar mais dados, Manuel Homem adiantou que o Executivo está a envidar contactos “para que nas próximas 8-16 horas” seja possível veicular “uma informação oficial sobre o estado” do AngoSat-1, designadamente “da sua prontidão para fornecer os serviços para que foi concebido”.

As declarações do secretário de Estado, transmitidas pela TPA, surgem depois de a agência de notícias russa ter divulgado a informação de que a Rússia perdeu o contacto com o AngoSat-1.

A notícia, que cita uma fonte da indústria espacial russa, foi entretanto reproduzida por outras agências noticiosas, como a France Presse (AFP), conforme o Novo Jornal Online avançou. (Novo Jornal Online)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »