Embaixador de Portugal na ONU analisa situação da Guiné-Bissau

O embaixador de Portugal junto às Nações Unidas, em Nova Iorque, destaca o que pode ser feito pelos países lusófonos em apoio à Guiné-Bissau nos esforços para sair da crise político-institucional que dura mais de dois anos.

As declarações do diplomata português foram feitas à margem da entrevista à ONU News sobre prioridades da cooperação do seu país com as Nações Unidas em 2018.

Portugal sugere que os Estados-membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, CPLP, podem colaborar nesse esforço que tem merecido atenção internacional. (África 21)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »