InicioAngolaSociedadeMulher morre esquecida nas urgências do hospital

Mulher morre esquecida nas urgências do hospital

As autoridades já ordenaram a abertura de um inquérito para que sejam apuradas responsabilidades.

Uma mulher de 64 anos morreu, no dia 21 de dezembro, depois de ter ficado esquecida durante 12 horas numa maca nos corredores de um hospital.

Tudo aconteceu em Úbeda, Jaén, Espanha. A vítima, utente de um lar, sentiu-se mal e o médico da instituição recomendou que fosse ao hospital acompanhada por uma auxiliar.

De acordo com o jornal Ideal, feita a triagem a mulher foi colocada numa cama na sala de espera. Porém, não mais de lá saiu. O seu nome foi chamado várias vezes, mas a vítima estava tão débil que não conseguiu responder, nem teve ninguém que a ajudasse.

Só quando o turno dos médicos mudou, às 22h00, é que alguém reparou na presença da mulher que já estava sem vida.

A direção do hospital emitiu, esta sexta-feira, um comunicado onde garante que foi aberto um inquérito interno com o propósito de “determinar em que circunstâncias ocorreu a morte da mulher e, a partir daí, tomar as medidas necessárias para que situações como esta não se voltem a repetir”. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.