Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Refugiados da Coreia do Norte apresentam sinais de contaminação radioativa

Refugiados norte-coreanos que residiam nas proximidades das áreas de teste de armas nucleares, apresentaram sinais de exposição à radiação, de acordo com os últimos exames médicos realizados na Coreia do Sul. No entanto, é difícil determinar se eles foram efectivamente afectados pelos testes nucleares, informa Yonhap News.

A partir de outubro de 2017, o governo da Coreia do Sul realizou testes de radiação e exames médicos em 30 refugiados que viviam anteriormente em Kilju, região da Coreia do Norte onde fica localizado o polígono de testes nucleares de Punggye-ri. Kim Jong-un realizou seis testes nucleares nessa região.

De acordo com Seul, o governo procurou por refugiados dispostos a realizar exames médicos entre os 114 cidadãos que deixaram a Coreia do Norte após o primeiro teste nuclear, realizado em 2006.

Os testes mostraram que quatro dos desertores podem ter sido expostos à radiação, embora outros factores, como idade e tabagismo, possam ter afectado os resultados.

Neste contexto, o Governo afirmou que não houve casos com resultados significativos quando se tratou de verificar a possível contaminação radioactiva.

Além disso, Seul admitiu que os últimos testes médicos têm uma limitação devido à amostragem limitada e à falta de informação. Faz muito tempo que os examinados teriam sido expostos à radiação. (Sputnik)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »