Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Anuído regime de financiamento dos órgãos da administração local

O Conselho de Ministros aprovou, nesta quarta-feira, o Regime de financiamento dos Órgãos da Administração Local do Estado, diploma legal que estabelece os critérios de consignação da receita fiscal destes órgãos.

A aprovação, realizada em sessão orientada pelo Presidente da República, João Lourenço, enquadrou-se no processo de organização do sistema de gestão das finanças públicas a nível local.

O diploma visa potenciar e providenciar recursos financeiros a estes, para a prossecução do interesse público e a satisfação das necessidades da colectividade ao nível da respectiva circunscrição territorial.

Ainda neste domínio, o Conselho de Ministros aprovou o Regime Jurídico aplicável às Taxas, Licenças e outras Receitas cobradas pelos Órgãos da Administração Local do Estado e a respectiva tabela, instrumento legal que procede a revisão e actualização da tabela de taxas, licenças e outras receitas cobradas por estes órgãos.

Segundo o comunicado, o Regime Jurídico aplicável às Taxas estabelece critérios claros, objectivos e eficientes de retorno da receita arrecadada pela respectiva unidade.

O Conselho de Ministros aprovou igualmente os Relatórios de Execução Orçamental do II e III Trimestres do ano de 2017, documentos que apresentam dados sobre a execução do Orçamento Geral do Estado referente ao período correspondente, incluindo os balanços orçamental, financeiro e a demonstração das variações patrimoniais, tendo recomendado a sua remessa à Assembleia Nacional.

Na sessão de hoje, o órgão apreciou o Relatório da Conta Geral do Estado referente ao exercício fiscal do ano 2016, documento que apresenta a execução dos balanços orçamental, financeiro, patrimonial e operacional.

O Relatório da Conta Geral do Estado apresenta ainda as demonstrações financeiras exigidas na Lei do OGE, relativas às contas dos Órgãos da Administração Central e Local do Estado, dos Serviços, dos Institutos Públicos e Fundos Autónomos, da Segurança Social e dos Órgãos de Soberania, bem como o inventário dos bens públicos. Recomendou a sua remessa à Assembleia Nacional, nos termos da lei.

O Conselho de Ministros é o órgão colegial auxiliar do Presidente da República na formulação, condução e execução da política geral do país e da administração pública.

O referido órgão é orientado pelo Presidente da República, podendo delegar, nas ausências e impedimentos temporários, ao Vice-Presidente da República a faculdade de presidir às reuniões do Conselho de Ministros.

Para além do Presidente e do Vice-Presidente da República, o Conselho de Ministros é integrado por todos os ministros de Estado e ministros. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »