Radio Calema
InicioMundoÁfricaTunísia suspende voos da Emirates

Tunísia suspende voos da Emirates

O Ministério tunisino dos Transportes suspendeu, domingo à noite, os voos da Emirates até que esta companhia aérea dos Emirados Árabes Unidos “encontre uma solução adaptada à organização de voos em conformidade com o direito e as convenções internacionais”, indica um comunicado oficial divulgado, segunda-feira, em Túnis.

Esta medida é uma resposta à decisão anunciada sexta-feira passada pela Emirates de já não admitir nos seus voos as mulheres tunisinas, ainda que acompanhadas por um parceiro.

A Emirates justificou esta decisão por razões de segurança.

Por seu turno, o porta-voz do gabinete do primeiro-ministro tunisino, Iyad Dahmani, explicou que a decisão do Ministério dos Transportes de suspender os voos da Emirates com destino ou provenientes da Tunísia foi tomada em consulta com a primatura e à Presidência da República.

O responsável da Informação e Comunicação do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Faiçal Dho, indicou, por seu turno, que o embaixador da Tunísia,em Abou Dhabi, a pedido do ministro tunisino dos Negócios Estrangeiros, Khemais Jhinaoui, está encarregado de acompanhar a situação e encontrar uma solução em coordenação com as autoridades dos Emirados.

Jhinanoui encarregou também o secretário de Estado da Diplomacia Económica, Hatem Ferjani, que está atualmente nos Emirados Árabes Unidos, de levar a cabo os contactos necessários com as autoridades interessadas para encontrar os meios de ultrapassar este diferendo.

Vários partidos políticos e organizações da sociedade civil tunisinos denunciaram a decisão de proibir as mulheres tunisinas de viajar a bordo da companhia Emirates, qualificando esta decisão de “racista” e de “atentado à soberania do Estado tunisino e da dignidade das mulheres tunisinas”.

Comentando a decisão tunisina na sua página Facebook, a companhia Emirates afirmou que “com base em instruções das autoridades tunisinas e a partir desta segunda-feira, a companhia suspende os seus voos de e para a Tunísia até nova ordem”. (Panapress)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.