Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

UE critica processo de “revisão unilateral” da Constituição no Burundi

O processo unilateral de revisão da Constituição iniciado pelo Governo do Burundi só vai comprometer o fim da crise em que o país está mergulhado desde a eleição do Presidente Pierre Nkurunziza para um terceiro mandato, em violação do Acordo de Arusha, indica um comunicado do Serviço Europeu para Ação Externa (SEAE).

Após o fracasso da mediação organizada em Arusha pela Comunidade dos Estados da África Oriental (EAC), para uma saída da crise no Burundi, a União Europeia (UE) pede o relançamento do diálogo político interburundês, como “única via possível para estabelecer uma solução duradoura à crise “, indica a nota do SEAE enviada sexta-feira à imprensa, em Bruxelas.

Para a UE, a abertura dum processo de revisão constitucional unilateralmente, pelo Governo, envolve vários riscos e “está em contramão dos esforços de concertação e poderá levar ao abandono das principais disposições-chaves do Acordo de Paz de Arusha, que continua hoje o principal instrumento capaz de levar à paz e à estabilidade no Burundi e na região”.

No seu comunicado , a União Europeia reitera o seu pleno apoio à mediação liderada pelo ex-Presidente tanzaniano e a atual facilitador, Benjamin Mkapa. (Panapress)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »