- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Regiões Benguela: Governador apela à união para busca de soluções

Benguela: Governador apela à união para busca de soluções

O governador de Benguela, Rui Falcão, apelou nesta quinta-feira à união dos membros do governo provincial no sentido de se constituir uma equipa forte e coesa na busca das melhores soluções para as dificuldades já identificadas.

O apelo foi feito no Palácio do Governo, durante a cerimônia de cumprimentos de fim de ano, tendo o governador frisado que grande parte do diagnóstico está feio após seis meses à frente dos destinos da província de Benguela.

“As principais dificuldades estão identificadas, e agora devemos todos trabalhar unidos para de forma paulatina, responsável e coerente constituir uma equipa forte e coesa e juntos encontrar as melhores soluções para cada caso”

Para isso, acrescentou, importa colocar de parte os subjectivismos que apenas servem para mascar a má vontade, as insuficiências ou até a nossa incompetência e, com pragmatismo, ir-se debelando os obstáculos do quotidiano.

Ainda assim, lembrou, Angola vive mais um momento glorioso da sua história recente, pois apesar das dificuldades, o país não sucumbiu e, conhece uma transição política exemplar.

Agradeceu, por isso, a todos quantos que se disponibilizaram, contribuindo para a melhoria da acção governativa e consequente busca de soluções para os desafios com que nos confrontamos.

Rui Falcão afirmou que, nos últimos seis meses, conseguiu identificar as principais necessidades da região, apontando o rumo a seguir, no quadro das orientações do Executivo, porém prometeu enumera-las tão logo seja aprovado Orçamento Geral do Estado de 2018.

“Aos membros do governo da província, de empresas e institutos públicos, o meu agradecimento pela forma empenhada como se têm dedicado na nobre missão de trabalhar para o povo”, disse Rui Falcão.

Na ocasião, augurou que 2018 se constitua num marco relevante na realização das expectativas e metas de todos os angolanos e estrangeiros residentes legalmente nas terras de Benguela.

Na voz do director do Gabinete Provincial da Educação, Evaristo Calopa Mário, os membros do governo manifestaram disponibilidade na materialização das acções conducentes ao êxito do programa de governo de Benguela, reconhecendo a necessidade de maior incidência dos serviços públicos básicos às populações. (Angop)

- Publicidade -
- Publicidade -

Alberto Neto: Adiamento das autárquicas em Angola é “estratégia” do MPLA

Segundo Alberto Neto, líder do Partido Democrático Angolano, ilegalizado em 2013, o MPLA sabe que não ganharia a 100% em todos os municípios. Por...
- Publicidade -

Médico recomenda retoma responsável aos treinos

A retoma aos treinos desportivos federados, a partir deste sábado, conforme decreto presidencial, deve ser feita de forma responsável, sob o risco de desvalorização...

Ministério dos Transportes substitui Viação e Trânsito na emissão de cartas de condução

O Ministério dos Transportes (Mintrans) é o novo órgão responsável pela emissão de cartas de condução no país, acção que vinha sendo feita pela...

País espera poupar USD 6 mil milhões em negociação da dívida

Angola espera poupar seis mil milhões de dólares, até Junho de 2023, em negociações da dívida pública com credores dentro e fora do G20,...

Notícias relacionadas

Alberto Neto: Adiamento das autárquicas em Angola é “estratégia” do MPLA

Segundo Alberto Neto, líder do Partido Democrático Angolano, ilegalizado em 2013, o MPLA sabe que não ganharia a 100% em todos os municípios. Por...

Médico recomenda retoma responsável aos treinos

A retoma aos treinos desportivos federados, a partir deste sábado, conforme decreto presidencial, deve ser feita de forma responsável, sob o risco de desvalorização...

Ministério dos Transportes substitui Viação e Trânsito na emissão de cartas de condução

O Ministério dos Transportes (Mintrans) é o novo órgão responsável pela emissão de cartas de condução no país, acção que vinha sendo feita pela...

País espera poupar USD 6 mil milhões em negociação da dívida

Angola espera poupar seis mil milhões de dólares, até Junho de 2023, em negociações da dívida pública com credores dentro e fora do G20,...

Caso 900 milhões: Irene Neto, filha de Agostinho Neto, com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.