- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo África ONU determinada a julgar autores de ataque contra base de sua missão...

ONU determinada a julgar autores de ataque contra base de sua missão na RD Congo

A Organização das Nações Unidas (ONU) reiterou a sua determinação a julgar autores do ataque perpetrado a 7 de dezembro corrente contra a base da Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Congo (MONUSCO) em Semuliki, em Kivu-Norte (leste), indicou quarta-feira Florence Marchal, porta-voz da instituição.

Durante a conferência semanal da ONU, Marchal citou o Secretário-Geral adjunto da ONU para operações de manutenção da paz, Jean-Pierre Lacroi, como tendo lançado este apelo no termo da sua visita, terça-feira, à RD Congo,

“O ataque de Semuliki constitui um crime de guerra e as Nações Unidas vão fazer tudo para que os que o perpetraram sejam julgados”, sublinhou Marchal, acrescentando que a melhor homenagem que as Nações Unidas pudessem prestar aos seus capacetes azuis mortos em Semuliki era “trabalharmos juntos para restabelecermos a paz na RD Congo”.

Durante esta visita essencialmente consagrada ao ataque contra a base da MONUSCO de Semuliki com cerimónias em homenagens aos capacetes azuis mortos, primeiro na Tanzânia e em Goma, em Kivu-Norte, Jean-Pierre Lacroix visitou as forças onusinas internados nesta última cidade congolesa e em Kinshasa, a cidade capital.

Lacroi esteve terça-feira última no território de Beni, base de Semuliki, atacada a 7 de dezembro de 2017, onde se avistou com o pessoal da força a fim de compreender melhor os eventos recentes.

Esteve também nas instalações da Monusco em Mavivi, base de operações em Kamango.

Durante a sua estada na RD Congo, Jean-Pierre Lacroix foi igualmente recebido pelas autoridades congolesas com as quais evocou a luta contra grupos armados e futuras operações eleitorais. (Panapress)

- Publicidade -
- Publicidade -

Portugal, país euroafricano

Portugal é há muito um país euroafricano não assumido. Vozes como a da historiadora e professora Isabel de Castro Henriques, que estudam as marcas...
- Publicidade -

Reflexões sobre o calendário escolar

Após a realização do diagnóstico sobre o rendimento do Subsistema do Ensino de Base, em 1986, os primeiros sinais de mudança de uma economia...

De números desconhecidos: Burlas por telefone na calada da noite

Edson Cadete disse que alguns amigos aconselharam-no a retomar as chamadas e outros o desencorajaram a fazê-lo. Nós últimos dias cresce o número de pessoas...

Zangam-se as Comadres, Descobrem-se as Verdades!

Empresários nacionais em 2012, segundo o Confidence News, já o denunciavam como sendo, o “homem do Presidente”. Edeltrudes Costa de seu nome, foi vice...

Notícias relacionadas

Portugal, país euroafricano

Portugal é há muito um país euroafricano não assumido. Vozes como a da historiadora e professora Isabel de Castro Henriques, que estudam as marcas...

Reflexões sobre o calendário escolar

Após a realização do diagnóstico sobre o rendimento do Subsistema do Ensino de Base, em 1986, os primeiros sinais de mudança de uma economia...

De números desconhecidos: Burlas por telefone na calada da noite

Edson Cadete disse que alguns amigos aconselharam-no a retomar as chamadas e outros o desencorajaram a fazê-lo. Nós últimos dias cresce o número de pessoas...

Zangam-se as Comadres, Descobrem-se as Verdades!

Empresários nacionais em 2012, segundo o Confidence News, já o denunciavam como sendo, o “homem do Presidente”. Edeltrudes Costa de seu nome, foi vice...

FinCEN Files. Como os grandes bancos facilitaram milhares de milhões de dólares em transferências para criminosos

Mais de dois mil relatórios bancários confidenciais obtidos pelo BuzzFeed News e partilhados com o Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação (ICIJ), do qual...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.