- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Outras modalidades São Silvestre corre risco

São Silvestre corre risco

Dificuldades de ordem financeira marcam os preparativos da 62.ª edição da corrida São Silvestre, que se disputa no dia 31 do mês corrente, com início no Largo da Mutamba e chegada no Estádio Municipal dos Coqueiros, numa distância de dez quilómetros.

A 12 dias do tiro de partida, os 39 milhões de kwanzas orçamentados para a prova ainda não foram disponibilizados. Em declarações ao Jornal de Angola, Joaquim Dombaxi, porta-voz da corrida, afirmou que sem o dinheiro nada se pode fazer.
“Precisamos de pagar os equipamentos (chips e dorsais).

Sem o dinheiro, a vinda dos atletas estrangeiros fica abortada, e automaticamente retiramos o prestígio da São Silvestre. O agrimensor tem chegada prevista para o dia 28, mas também é uma situação que depende do dinheiro”, explicou o dirigente.Até ontem estavam inscritos 800 fundistas, dos três mil e 500 previstos pela organização. As inscrições continuam abertas até o dia 26, na sede da federação no Nova Vida, Cidadela Desportiva, Ilha do Cabo, Marco Histórico do Cazenga, Casa da Juventude de Viana, Administração de Cacuaco e Centralidade do Kilamba.

Em relação ao estado do percurso, foram feitas duas vistorias. “Na Avenida Ho-Chi-Min foram identificadas falhas de iluminação. A equipa técnica do Governo de Luanda já superou o problema. Na zona do Kinaxixi, Chamavo e na subida do Prenda havia buracos, que também já foram tapados”, disse o porta-voz.
A prova começa no Largo da Mutamba, e termina no Estádio Municipal dos Coqueiros. (Jornal de Angola)

- Publicidade -
- Publicidade -

Inapem e BODIVA juntam-se para ajudar empresas a obter financiamentos

A Bolsa de Divida e Valores de Angola (Bodiva) e o Instituto de Nacional de Pequenas e Medias Empresas (Inapem) celebraram um protocolo que...
- Publicidade -

Covid-19: Angolanos na África do Sul lançam “grito” de socorro

Centenas de cidadãos angolanos retidos na África do Sul por força da pandemia do coronavírus voltaram a lançar, nesta quinta-feira, um pedido para o...

Moçambique e África Sul reabrem fronteiras

O presidente da Confederação das Associações Económicas de Moçambique, Agostinho Vuma, acredita que a reabertura das fronteiras entre Moçambique e África do Sul, prevista...

Criada Biblioteca Escolar na Orquestra Camunga

A iniciativa “Um Livro Uma criança Muitas Leituras” criou, na sexta feira, a Biblioteca Escolar da Orquestra Sinfónica Camunga, na Samba, Luanda, com a...

Notícias relacionadas

Inapem e BODIVA juntam-se para ajudar empresas a obter financiamentos

A Bolsa de Divida e Valores de Angola (Bodiva) e o Instituto de Nacional de Pequenas e Medias Empresas (Inapem) celebraram um protocolo que...

Covid-19: Angolanos na África do Sul lançam “grito” de socorro

Centenas de cidadãos angolanos retidos na África do Sul por força da pandemia do coronavírus voltaram a lançar, nesta quinta-feira, um pedido para o...

Moçambique e África Sul reabrem fronteiras

O presidente da Confederação das Associações Económicas de Moçambique, Agostinho Vuma, acredita que a reabertura das fronteiras entre Moçambique e África do Sul, prevista...

Criada Biblioteca Escolar na Orquestra Camunga

A iniciativa “Um Livro Uma criança Muitas Leituras” criou, na sexta feira, a Biblioteca Escolar da Orquestra Sinfónica Camunga, na Samba, Luanda, com a...

Migrantes ilegais fogem de quartel em Tavira

Um grupo de 17 migrantes ilegais fugiu, durante a madrugada desta quinta-feira, do quartel do exército, em Tavira. Oito já foram capturados pelas autoridades, sendo...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.