- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Médio Oriente Assembleia Geral da ONU votará resolução sobre Jerusalém

Assembleia Geral da ONU votará resolução sobre Jerusalém

A Assembleia Geral da ONU fará uma sessão de emergência nesta quinta-feira para votar um projeto de resolução que rejeita a decisão do presidente Donald Trump de reconhecer Jerusalém como capital de Israel, depois que os Estados Unidos vetou a medida no Conselho de Segurança.

Turquia e Iêmen solicitaram a reunião urgente da Assembleia em nome do grupo de países árabes e da Organização de Cooperação Islâmica (OCI).

Os dois países circularam um projeto de resolução nesta terça-feira que reflete o projeto vetado por Washington, reafirmando que qualquer decisão sobre o estatuto de Jerusalém não tem efeito e que deve ser revogada.

Assim como o texto apresentado pelo Egipto, o projeto de resolução a Assembleia de 193 países votará não menciona a decisão de Trump, mas expressa “uma profunda preocupação sobre as recentes decisões acerca do estatuto de Jerusalém”.

Miroslav Lajcak, presidente da Assembleia Geral, informou sobre a sessão de emergência em uma carta enviada na noite de segunda-feira às 193 delegações.

Os Estados Unidos vetaram nesta segunda-feira o projeto de resolução que reafirmava que qualquer decisão sobre o status de Jerusalém carece de efeito legal.

O Egipto havia apresentado o projeto que era apoiado pelos outros 14 membros do Conselho de Segurança.

O embaixador palestino, Riyad Mansur, disse que será apresentado um projeto de resolução similar na assembleia e espera apoio.

Ao contrário do Conselho de Segurança, nenhum país tem poder de veto na Assembleia Geral.

“A Assembleia Geral dirá, sem medo veto, que a comunidade internacional se nega a aceitar a posição unilateral dos Estados Unidos”, disse Mansur a jornalistas.

A decisão de Trump em 6 de dezembro de reconhecer Jerusalém rompeu com o consenso internacional, desencadeando protestos em todo o mundo muçulmano e provocando uma forte condenação. (Afp)

- Publicidade -
- Publicidade -

Caso 900 milhões: Irene Neto, filha de Agostinho Neto, com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...
- Publicidade -

Sector da Cultura incentiva gosto pela literatura

O Gabinete Provincial da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos de Luanda e a organização Clin Carlos procederam nesta quinta-feira ao lançamento de um torneio...

Cabo Verde: Apenas duas mulheres lideram listas nas “autárquicas” de Outubro

Em Cabo Verde, nas oitavas eleições autárquicas, de 25 de outubro, estão apenas garantidas duas listas encabeçadas por mulheres à Câmara Municipal. Na Praia capital,...

Turismo é sustentado por nacionais em cerca de 70 por cento

O turismo internacional em Angola tem sofrido uma retracção, quer em termos de solicitações, quer de receitas, segundo a revista do Programa de Apoio...

Notícias relacionadas

Caso 900 milhões: Irene Neto, filha de Agostinho Neto, com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...

Sector da Cultura incentiva gosto pela literatura

O Gabinete Provincial da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos de Luanda e a organização Clin Carlos procederam nesta quinta-feira ao lançamento de um torneio...

Cabo Verde: Apenas duas mulheres lideram listas nas “autárquicas” de Outubro

Em Cabo Verde, nas oitavas eleições autárquicas, de 25 de outubro, estão apenas garantidas duas listas encabeçadas por mulheres à Câmara Municipal. Na Praia capital,...

Turismo é sustentado por nacionais em cerca de 70 por cento

O turismo internacional em Angola tem sofrido uma retracção, quer em termos de solicitações, quer de receitas, segundo a revista do Programa de Apoio...

Antártida é o único continente sem registo de qualquer caso

A Antártida é actualmente o único continente sem qualquer caso positivo do novo coronavírus, onde a população convive sem máscaras e assiste ao desenrolar...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.