- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Médio Oriente 'Por motivos de segurança', Israel fechará fronteira com a Faixa de Gaza

‘Por motivos de segurança’, Israel fechará fronteira com a Faixa de Gaza

O exército israelita anunciou que dois cruzamentos de fronteira israelita com a Faixa de Gaza serão fechados nesta quinta-feira sobre questões de segurança.

“Devido a incidentes relacionados à segurança e depois de analisar a situação atual, o cruzamento Kerem Shalom, que é usado para transferência de mercadorias, e o cruzamento de pedestres Erez serão fechados amanhã”, disse o serviço de imprensa do Exército.

Os lançamentos de foguetes entre Israel e a Palestina tornaram-se comuns desde que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decidiu reconhecer Jerusalém como a capital do estado de Israel e ordenou que o Departamento de Estado dos EUA iniciasse os planos para a construção de uma embaixada dos EUA na cidade.

A decisão causou críticas de muitos países ao redor do mundo, sobretudo no Médio Oriente. Mais cedo, a Organização para a Cooperação Islâmica (OIC) teria dito que Washington havia perdido o papel de mediador na solução do Oriente Médio após essa mudança.

Em 13 de dezembro, o Hamas anunciou o início da terceira “intifada”, dizendo que o bombardeio de foguete dirigido a Israel a partir de territórios palestinianos é uma questão de direitos de defesa própria para os palestinianos e que o movimento foi provocado pelos Estados Unidos. (Sputnik)

- Publicidade -
- Publicidade -

Angola: Onde estão os sindicatos no novo conselho de João Lourenço?

Convidado a integrar o novo Conselho Económico e Social de João Lourenço, o economista Carlos Rosado de Carvalho diz-se "surpreendido" com o número de...
- Publicidade -

Bancos africanos são vítimas do ‘rating’ dos países em que operam, diz Moddy’s

Em causa os efeitos e dificuldades resultantes da pandemia de covid-19. A agência de notação financeira Moody's alertou que a análise sobre a qualidade de...

Angola: “Liberdade, Justiça, Emprego, Educação”, pedem manifestantes

Centenas de angolanos saíram à rua para mostrar a sua insatisfação com o Governo e exigir mais empregos. Foi a segunda manifestação em Luanda...

Cardeal italiano demitido de Vaticano por suspeitas de desvio de fundos

O italiano Angelo Becciu, tido a data como um dos cardeais mais influentes do Vaticno, foi obrigado a renunciar ao seu cargo, devido à...

Notícias relacionadas

Angola: Onde estão os sindicatos no novo conselho de João Lourenço?

Convidado a integrar o novo Conselho Económico e Social de João Lourenço, o economista Carlos Rosado de Carvalho diz-se "surpreendido" com o número de...

Bancos africanos são vítimas do ‘rating’ dos países em que operam, diz Moddy’s

Em causa os efeitos e dificuldades resultantes da pandemia de covid-19. A agência de notação financeira Moody's alertou que a análise sobre a qualidade de...

Angola: “Liberdade, Justiça, Emprego, Educação”, pedem manifestantes

Centenas de angolanos saíram à rua para mostrar a sua insatisfação com o Governo e exigir mais empregos. Foi a segunda manifestação em Luanda...

Cardeal italiano demitido de Vaticano por suspeitas de desvio de fundos

O italiano Angelo Becciu, tido a data como um dos cardeais mais influentes do Vaticno, foi obrigado a renunciar ao seu cargo, devido à...

Mali: Presidente e vice-presidente de transição já tomaram posse

Esta sexta-feira, no Mali, vão tomar posse o novo presidente de transição, o general na reserva Bah N’Daw, e o novo-vice-presidente, o coronel Assimi...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.