- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia Políticas da OMC contestadas em Buenos Aires

Políticas da OMC contestadas em Buenos Aires

Os organizadores da manifestação garantem que 30 mil pessoas saíram à rua na capital argentina para dizer basta às políticas da Organização Mundial do Comércio..

Organizações não-governamentais, associações de defesa dos direitos humanos e defensores dos setores da agricultura, pescas e pecuária manifestaram-se, em Buenos Aires, contra as políticas em debate na conferência ministerial da Organização Mundial do Comércio.

O protesto começou de forma pacífica, mas acabou por terminar em confrontos com a polícia. Várias pessoas foram detidas.

O encontro reúne, desde o início da semana, ministros de cerca de 160 países num luxuoso bairro da capital argentina. Em cima da mesa estão as regras sobre o comércio global que os manifestantes dizem beneficia, apenas, as grandes empresas.

“Não queremos a Organização Mundial do Comércio, não queremos perder a nossa soberania. Queremos ser um povo livre. Não queremos que nos imponham as políticas económicas da fome e da desocupação, nem que os outros nos imponham a sua soberania” refere Nora Cortinas, membro da Linha Fundadora das Mães da Praça de Maio.

“Uma economia mais justa e um planeta sustentável” foi o pedido feito pelos manifestantes, 30 mil segundo os organizadores.

Na primeira sessão da reunião ministerial, a comissária europeia do Comércio defendeu a necessidade de repensar o funcionamento da Organização questionada por países como os Estados Unidos. A intervenção do representante norte-americano ficou marcada por críticas à OMC que acusou de se estar a transformar “numa câmara de resolução de conflitos e a afastar-se da sua missão.”

A conferência que decorre, pela primeira, num país sul-americano termina esta quarta-feira. (Euronews)

- Publicidade -
- Publicidade -

Caso 900 milhões: Irene Neto, filha de Agostinho Neto, com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...
- Publicidade -

Sector da Cultura incentiva gosto pela literatura

O Gabinete Provincial da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos de Luanda e a organização Clin Carlos procederam nesta quinta-feira ao lançamento de um torneio...

Cabo Verde: Apenas duas mulheres lideram listas nas “autárquicas” de Outubro

Em Cabo Verde, nas oitavas eleições autárquicas, de 25 de outubro, estão apenas garantidas duas listas encabeçadas por mulheres à Câmara Municipal. Na Praia capital,...

Turismo é sustentado por nacionais em cerca de 70 por cento

O turismo internacional em Angola tem sofrido uma retracção, quer em termos de solicitações, quer de receitas, segundo a revista do Programa de Apoio...

Notícias relacionadas

Caso 900 milhões: Irene Neto, filha de Agostinho Neto, com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...

Sector da Cultura incentiva gosto pela literatura

O Gabinete Provincial da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos de Luanda e a organização Clin Carlos procederam nesta quinta-feira ao lançamento de um torneio...

Cabo Verde: Apenas duas mulheres lideram listas nas “autárquicas” de Outubro

Em Cabo Verde, nas oitavas eleições autárquicas, de 25 de outubro, estão apenas garantidas duas listas encabeçadas por mulheres à Câmara Municipal. Na Praia capital,...

Turismo é sustentado por nacionais em cerca de 70 por cento

O turismo internacional em Angola tem sofrido uma retracção, quer em termos de solicitações, quer de receitas, segundo a revista do Programa de Apoio...

Antártida é o único continente sem registo de qualquer caso

A Antártida é actualmente o único continente sem qualquer caso positivo do novo coronavírus, onde a população convive sem máscaras e assiste ao desenrolar...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.