InicioAngolaSociedadeSociólogo quer travar drogas entre adolescentes

Sociólogo quer travar drogas entre adolescentes

O sociólogo Mário Tavares mostrou-se segunda-feira, na cidade do Sumbe, província do Cuanza Sul, preocupado com o índice do consumo de drogas e prostituição no seio de adolescentes.

Em declarações à Angop, a propósito do assunto, adiantando que a sociedade se deve mobilizar para encontrar soluções viáveis para tais males, que tendem a crescer no país e na província em particular.

Referiu ser a falta de emprego no seio dos jovens a maior causa dessas práticas anti-sociais.

Fez saber que a maior parte de pessoas desta franja da sociedade precisa de intervenção urgente para a sua inserção no sistema de ensino e do trabalho.

Explicou que a falta de ocupação sócio – profissional é parte integrante da problemática que degrada a juventude, que tendem a refugiar-se no consumo de drogas, na delinquência, prostituição e outros males.

Acrescentou que na província, fruto do consumo de drogas pesadas e alcoolismo, é visível o aumento assustador de crianças com doenças de distúrbios mentais, com transtornos comportamentais e meninos de rua.

No Cuanza Sul semanalmente são detidos entre cinco a 10 jovens por consumo de drogas. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.