- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo África Oposição sul-africana denuncia escândalo sobre funeral de Mandela

Oposição sul-africana denuncia escândalo sobre funeral de Mandela

O partido da oposição sul-africana, Aliança Democrática (DA), denunciou segunda-feira o Governo da província do Cabo Oriental por alegada implicação num escândalo de corrupção durante as exéquias de Nelson Mandela, em 2013.

Refiloe Ntesekhe, uma das responsáveis da DA, acusou nomeadamente a diretora-geral da província, Marion Mbina Mthembu, de ter autorizado irregularmente a transferência de dois milhões e 400 mil dólares americanos para o funeral do Prémio Nobel.

“O Congresso Nacional Africano (ANC) no Cabo Oriental mostrou que fará tudo para fazer avançar as suas manobras de corrupção, até roubar dinheiro do povo em nome de Nelson Mandela”, denunciou Ntesekhe.

Presidente da África do Sul de 1994 a 1999, Nelson Mandela foi o primeiro chefe de Estado negro deste país, o primeiro eleito no quadro duma eleição democrática inclusiva.

O Prémio Nobel da Paz faleceu a 5 de dezembro de 2013, aos 95 anos de idade, depois duma infeção respiratória prolongada.

Uma missa foi organizada no estádio FNB de Joanesburgo, a 10 de dezembro de 2013, e o funeral nacional a 15 de dezembro, em Qunu, a sua aldeia natal. Noventa representantes de países estrangeiros deslocaram-se para assistir ao evento.

O quarto aniversário do seu desaparecimento foi comemorado terça-feira passada e foi manchado pela publicação, no mesmo dia, de um relatório com revelações de provas de inflação maciça dos preços, desvios de fundos e má planificação pelo Governo. (Panapress)

- Publicidade -
- Publicidade -

Jovem malaia luta pelo direito de não usar véu islâmico

A decisão de deixar de usar o véu islâmico e denunciá-lo como uma obrigação patriarcal valeu a Maryam Lee muitas críticas e uma investigação...
- Publicidade -

Mãe queima mão do filho por furto de telemóvel

Uma cidadã de 27 anos de idade queimou a mão direita do seu filho de 12 anos num fogareiro, no Lubango, província da Huíla,...

EUA: Substituição da juíza Ruth Bader Ginsburg opõe democratas e republicanos

A substituição de Ruth Bader Ginsburg, juíza do Supremo Tribunal Federal de Justiça e ícone progressista a favor dos direitos das mulheres, das minorias...

Pandemia transtorna Angola há seis meses

Completam-se hoje, 21 de Setembro, seis meses desde que foram anunciados, pela voz da ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, os dois primeiros casos positivos...

Notícias relacionadas

Jovem malaia luta pelo direito de não usar véu islâmico

A decisão de deixar de usar o véu islâmico e denunciá-lo como uma obrigação patriarcal valeu a Maryam Lee muitas críticas e uma investigação...

Mãe queima mão do filho por furto de telemóvel

Uma cidadã de 27 anos de idade queimou a mão direita do seu filho de 12 anos num fogareiro, no Lubango, província da Huíla,...

EUA: Substituição da juíza Ruth Bader Ginsburg opõe democratas e republicanos

A substituição de Ruth Bader Ginsburg, juíza do Supremo Tribunal Federal de Justiça e ícone progressista a favor dos direitos das mulheres, das minorias...

Pandemia transtorna Angola há seis meses

Completam-se hoje, 21 de Setembro, seis meses desde que foram anunciados, pela voz da ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, os dois primeiros casos positivos...

Mulher infectada com Covid contagiou 15 pessoas em voo

Uma mulher, infectada com Covid-19, teria propagado o vírus a outros 15 passageiros de um voo internacional entre Londres e o Vietname, de acordo...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.