- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Parlamento australiano aprova casamento entre pessoas do mesmo sexo

Parlamento australiano aprova casamento entre pessoas do mesmo sexo

O Parlamento australiano aprovou hoje o projeto lei sobre a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo, a última iniciativa legislativa para que as uniões se possam celebrar no país.

A Câmara Baixa aprovou hoje o projeto do senador liberal Dean Smith que tinha sido apresentado na semana passada no Senado.

A iniciativa foi apresentada depois de ter sido realizada uma consulta popular através dos correios (não vinculativa) em que a maioria dos participantes se mostraram favoráveis ao casamento entre duas pessoas do mesmo sexo sendo que o reconhecimento definitivo fica apenas dependente da ratificação protocolar por parte do governador geral.

“Que grande dia, que grande dia para o amor, para a igualdade e para o respeito. A Austrália conseguiu!”, disse o primeiro-ministro australiano, Malcolm Turnbull antes da votação.

O líder da oposição, Bill Shorten afirma na mesma altura que “a Austrália do futuro começa com o que for feito hoje”.

A lei foi recebida por uma ampla maioria pois apenas quatro legisladores votaram contra.

A aprovação do projeto lei na Câmara Baixa foi recebida com aplausos e nas galerias os cidadãos presentes entoaram a canção “We are australians” (“Nós somos australianos”).

Vários deputados levavam bandeiras com as cores do arco-íris, símbolo da comunidade LGTBIQ (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais e “Queres”) enquanto no exterior do edifício uma multidão aguardava o momento da votação.

“A reforma histórica vai entrar em vigor no sábado, dia 09 de dezembro de 2017”, refere um comunicado do procurador-geral da Austrália, George Branis, citado pela cadeia de televisão e rádio ABC.

A reforma que faz da Austrália o vigésimo quinto Estado que legaliza os casamentos entre pessoas do mesmo sexo altera a última lei de matrimónios australiano que data de 1961. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

- Publicidade -
- Publicidade -

Gratidão

Este é o sentimento que tomou conta da minha alma no momento em que escrevia este texto, depois de surpreendido com o Prémio de...
- Publicidade -

Conselho de Ministros aprova novo calendário escolar e aulas começam em Setembro

O ano escolar vai passar a ter início em Setembro em vez de Fevereiro como sucede actualmente, tendo esta alteração ao calendário escolar sido...

Covid-19: Viajantes para províncias angolanas obrigados a ficar em Luanda pelo menos oito dias

Os passageiros nacionais e estrangeiros cujo destino em Angola não seja Luanda são obrigados a cumprir uma quarentena de 8 a 14 dias na...

Lunda Sul: Médico detido por suspeita de tentativa de violação sexual a paciente

A Polícia Nacional de Angola, em coordenação com o Serviço de Investigação Criminal (SIC), deteve, hoje, em Saurimo, um cidadão nacional de 33 anos...

Notícias relacionadas

Gratidão

Este é o sentimento que tomou conta da minha alma no momento em que escrevia este texto, depois de surpreendido com o Prémio de...

Conselho de Ministros aprova novo calendário escolar e aulas começam em Setembro

O ano escolar vai passar a ter início em Setembro em vez de Fevereiro como sucede actualmente, tendo esta alteração ao calendário escolar sido...

Covid-19: Viajantes para províncias angolanas obrigados a ficar em Luanda pelo menos oito dias

Os passageiros nacionais e estrangeiros cujo destino em Angola não seja Luanda são obrigados a cumprir uma quarentena de 8 a 14 dias na...

Lunda Sul: Médico detido por suspeita de tentativa de violação sexual a paciente

A Polícia Nacional de Angola, em coordenação com o Serviço de Investigação Criminal (SIC), deteve, hoje, em Saurimo, um cidadão nacional de 33 anos...

Supertaça da Alemanha: Bayern Munique festeja um quíntuplo

Os campeões dos campeões bateram o Borussia Dortmund por 3-2 e conquistaram o quinto título no ano de 2020. Quíntuplo! O Bayern Munique conquistou o...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.