- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Destaques Disputas territoriais na agenda da visita do Presidente turco à Grécia

Disputas territoriais na agenda da visita do Presidente turco à Grécia

Recep Tayyip Erdogan inicia hoje uma vista de dois dias à Grécia, a primeira de um Presidente turco nos últimos 65 anos e onde deverão ser abordadas as disputas territoriais entre os dois países vizinhos.

Na quarta-feira, em entrevista à televisão grega Skai que decorreu na Turquia, Erdogan admitiu a necessidade de “ajustamentos” territoriais no Mar Egeu, mas emitiu estas declarações num tom aparentemente conciliatório, apelando à “construção de um espírito de solidariedade” entre os dois países.

“O espaço aéreo, as águas territoriais, e as suas diversas extensões podem ser melhorados”, declarou. Erdogan será o primeiro Presidente turco a deslocar-se à Grécia nos últimos 65 anos, apesar de ter visitado o país vizinho em 2010 na qualidade de primeiro-ministro.

A Grécia reivindica um espaço aéreo de 10 milhas (16 quilómetros) em torno das suas costas continentais e das suas ilhas, mas a Turquia apenas reconhece o espaço de seis milhas, ao argumentar que segundo o direito internacional o espaço aéreo deve ser idêntico ao das águas territoriais.

Em consequência, e regularmente, aviões militares turcos sobrevoam o espaço aéreo grego, com os caças gregos a escoltá-los por vezes até à fronteira numa atmosfera de tensão.

No entanto, as relações entre a Turquia e a Grécia têm sido caracterizadas por disputas territoriais e os dois países, aliados na NATO, estiveram à beira de um conflito em 1996 devido às reivindicações em torno de ilhéus desabitados no mar Egeu.

Na entrevista, o Presidente turco voltou ainda a manifestar a sua opinião sobre a necessidade de revisão do tratado de Lausanne de 1923, que desde então define as relações greco-turcas.

Do lado grego, um porta-voz do Governo disse esperar que a visita contribua para “importantes melhorias” nas relações bilaterais. Em paralelo, insistiu que o tratado de Lausanne permanece “em vigor” e possui natureza “vinculativa”.

Por sua vez, em entrevista à agência noticiosa turca Anadolu, o primeiro-ministro grego Alexis Tsipras insistiu também na quarta-feira em relações bilaterais na base “da confiança mútua e do direito internacional com um respeito total pelo tratado de Lausanne”. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

- Publicidade -
- Publicidade -

Covid-19: Laboratório de RTPCR de Benguela avariado

Duas mil amostras estão pendentes devido a uma avaria registada no único laboratório de testagem da Covid-19 (RTPCR) de Benguela, que atende a região...
- Publicidade -

Garimpeiros morrem soterrados em Chipindo

Um desabamento de terra em minas ilegais de exploração de ouro provocou a morte de três garimpeiros no município de Chipindo, que dista a...

MPLA lamenta morte do deputado Mendes Bartolomeu

O Secretariado do Bureau Político do MPLA, manifestou, nesta terça-feira, consternação pela morte do deputado Mendes Bartolomeu. O deputado do MPLA morreu, nesta terça-feira, numa...

Empresa de Isabel dos Santos impugna nacionalização de Efacec

A Winterfell, empresa de Isabel dos Santos que controlava a Efacec, anunciou ter apresentado uma acção de impugnação da decisão do Governo português de...

Notícias relacionadas

Covid-19: Laboratório de RTPCR de Benguela avariado

Duas mil amostras estão pendentes devido a uma avaria registada no único laboratório de testagem da Covid-19 (RTPCR) de Benguela, que atende a região...

Garimpeiros morrem soterrados em Chipindo

Um desabamento de terra em minas ilegais de exploração de ouro provocou a morte de três garimpeiros no município de Chipindo, que dista a...

MPLA lamenta morte do deputado Mendes Bartolomeu

O Secretariado do Bureau Político do MPLA, manifestou, nesta terça-feira, consternação pela morte do deputado Mendes Bartolomeu. O deputado do MPLA morreu, nesta terça-feira, numa...

Empresa de Isabel dos Santos impugna nacionalização de Efacec

A Winterfell, empresa de Isabel dos Santos que controlava a Efacec, anunciou ter apresentado uma acção de impugnação da decisão do Governo português de...

Serena “escuta” o tendão de Aquiles e decide abandonar Roland Garros

Serena Williams optou por desistir do torneio de Roland Garros pouco antes de enfrentar a búlgara Tsvetana Pironkova e volta a perder a oportunidade...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.