Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Angola conquista nove medalhas na Alemanha

Criadores e inventores angolanos arrebataram nove medalhas durante a 69ª edição anual da Feira do Inventor, que se realizou, em Novembro, em Noremberg, Alemanha.

Na sua nona participação no evento que decorreu entre 2 a 5 do mês findo, os 23 expositores, representantes de nove instituições e um free-lancer, apresentaram 19 ideias e invenções, que deram à delegação angolana uma medalha de ouro, cinco de prata e três de bronze.

Entre os vencedores da delegação de Angola, destaque para o Departamento das Ciências da Computação da Faculdade de Ciências da Universidade Agostinho Neto, que arrebatou medalha de ouro, com a invenção de um sistema para detectar falhas na iluminação pública.

Wilson Soares, do Centro Tecnológico Nacional do Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação, avançou que os representantes do mesmo departamento conseguiram ainda duas medalhas de prata com os projectos ligados ao desarmamento de civis no país e à “Mwonowaha”, que visa melhorar os serviços de saúde através de um sistema de informação.

O membro da equipa coordenadora da delegação nacional à feira de Noremberg destacou ainda o projecto “Riquezas do lixo”, do Instituto Superior Politécnico de Tecnologias e Ciências (ISPTEC), que visa transformar ou reciclar os resíduos sólidos.
A Associação Nacional dos Estudantes Universitários com Deficiência (ANEUD) é outra instituição que arrebatou medalha de prata, com o projecto “Portal ANEUD”, que visa abordar assuntos que têm a ver com a inclusão de portadores de deficiências.

Wilson Soares avançou que o complexo escolar Eliada, situado em Viana, foi outro galardoado com medalha de prata, pelo projecto “Sistema de informação de apoio à fiscalização de pagamento da taxa de circulação e detenção de automóveis roubados”.
Quanto às medalhas de bronze, os centros de Políticas em Pesquisas Públicas e Governação Local (CPPGL) da Universidade Agostinho Neto, por meio de pesquisa comunitária, e o Tecnológico Nacional (CTC), com o programa de inclusão digital com conteúdos educacionais foram os vencedores.

Além das instituições acima referidas, o free-lancer Ricardo Augusto Figueiredo arrebatou igualmente uma medalha de bronze, com a invenção de um colector de mosquitos para testagem.

Wilson Soares explicou que Angola, no total, levou para Alemanha duas empresas, igual número de instituições do ensino superior e três outras de investigação científica, além do free-lancer, Ricardo Figueiredo.

Antes destas entidades serem seleccionadas para Noremberg, as mesmas tiveram de participar numa actividade local, que funciona como uma espécie de antecâmara, que os catapultou para a Feira Nacional do Inventor. “É daqui onde saem os escolhidos para Alemanha”, esclarece Wilson Soares.

Angola fez a sua nona participação no evento de Noremberg, tendo já arrebatado, neste período, 67 medalhas, sendo 12 de ouro, 35 de prata e 30 de bronze.

A Feira do Inventor de Noremberg realiza-se anualmente, no sentido de promover o mérito da ideia, da criação e da invenção.
Os galardoados foram contemplados com uma medalha pelo empenho dos seus representantes e pela qualidade dos trabalhos. Os criadores e inventores angolanos, sempre que partcipam nessa feira de Noremberg, têm sido permanentemente contemplados com muitos troféus. (Jornal de Angola)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »