- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Andebol Andebol: Odeth Tavares pede mais comunicação frente à Eslovénia

Andebol: Odeth Tavares pede mais comunicação frente à Eslovénia

A antiga capitã da selecção nacional sénior feminina de andebol Odeth Tavares sugeriu hoje (segunda-feira), às guarda-redes do “sete” angolano que mantenham mais comunicação com o sector ofensivo na partida da terceira jornada do campeonato do mundo da modalidade que decorre na Alemanha, frente à Eslovénia.

Em declarações à Angop a propósito da prestação na prova Mundial, em que Angola apenas somou derrotas, a antiga guarda-redes mostrou-se preocupada com a falta de entrosamento entre o sector mais avançado o mais recuado.

A actualmente deputada a assembleia nacional disse que notou este défice nas jogadoras, o que justifica os desfechos na estreia com a Espanha 24-28 e depois com França (19-26) no Grupo B, por 19-26.

“Não é que a selecção esteja a jogar mal. Estão a jogar bem mas falta alguma atenção nos aspectos tácticos e técnicos, porque Angola está a perder por diferença de poucos golos; se elas conseguirem manter a comunicação vão superar a Eslovénia”, frisou.

Odeth Tavares salientou que pela experiência que tem, a visão periférica do jogo quem tem são as guarda-redes que ficam atrás, por isto é que estas não podem deixar de manter o dialogo com as pontas.

“Angola está a evoluir muito em participações em Mundiais. Este grupo B é um dos mas fortes da prova, e o sete nacional está a ombrear de igual para igual com estas selecções com um grade histórico a nível do andebol mundial”.

A também presidente da Associação Mulher e Desporto (AMUD) faz fé que a guarda-redes angolana Cristina Branco, que foi expulsa depois de um choque com uma adversária, possa jogar terça-feira e dar o seu melhor em campo.

A responsável que iniciou a carreira em 1987 no Nacional de Benguela explicou que a falta que Cristina Branco cometeu, que originou o vermelho directo, segundo as regras da federação internacional de andebol só dá punição no jogo em causa e não nos seguintes. (Angop)

- Publicidade -
- Publicidade -

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...
- Publicidade -

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Notícias relacionadas

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Inacom e parceiros criam plataforma de diálogo

O Instituto Angolano das Comunicações (INACOM), as operadoras e as associações dos consumidores, decidiram, a partir desta quinta-feira, em Luanda, a criação de uma...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.