Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Trump volta a negar conluio com Moscovo

Donald Trump voltou a negar, sábado, a existência de um conluio entre a sua campanha presidencial e Moscovo. A reacção do Presidente dos Estados Unidos surge após o ex-conselheiro de Segurança Nacional, Michael Flynn, ter admitido, sexta-feira, que mentiu ao FBI sobre a Rússia.

Depois do ex-conselheiro de Segurança Nacional, Michael Flynn, ter admitido, sexta-feira, que mentiu ao FBI sobre a Rússia, Donald Trump voltou a negar, sábado, a existência de um conluio entre a sua campanha presidencial e Moscovo.

“Não, não estou preocupado. Não há conluio, nenhum conluio. Não houve absolutamente nenhum conluio,” afirmou o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

“Tive de despedir o general Flynn porque ele mentiu ao vice-presidente e ao FBI. Ele declarou-se culpado por essas mentiras. É uma pena porque as suas ações durante a transição foram legais. Não havia nada a esconder!”, escreveu Donald Trump no Twitter.

O tweet do Presidente norte-americano mereceu a atenção de especialistas no dossier. Segundo estes, dado que apenas a mentira ao vice-presidente Mike Pence havia sido invocada pela Casa Branca para demitir o então conselheiro de Segurança Nacional, em fevereiro, Donald Trump parece dar a entender que sabia das mentiras de Michael Flynn ao FBI.

À acusação, Michael Flynn afirmou ter agido, pontualmente, seguindo instruções de um “alto funcionário” da equipa de transição presidencial que, segundo vários meios de comunicação norte-americanos, não é mais do que Jared Kushner, genro e conselheiro próximo de Donald Trump. (Euronews)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »