InicioMundoÁfricaCamarões: Presidente Biya denuncia ataques recorrentes de secessionistas

Camarões: Presidente Biya denuncia ataques recorrentes de secessionistas

Os Camarões são vítimas de ataques recorrentes de terroristas secessionistas, denunciou o presidente camaronês, Paul Biya, após a morte de seis soldados mortos na terça-feira na zona anglófona por supostos separatistas.

“Soube com tristeza o assassinato de quatro soldados camaroneses e dois polícias no sudoeste do nosso país”, disse Biya quinta-feira à noite, após o seu regresso da quinta cimeira África-Europa, em Abidjan (Côte D’Ivoire).

Acrescentou que as coisas estão perfeitamente claras para todos, enfatizando o facto do seu país ser vítima de ataques repetidos de terroristas que reivindicam um movimento secessionista.

Sublinhou que diante dos actos de agressão, ele tranquiliza o povo camaronês que todas as medidas estão a ser tomadas para incapacitar esses criminosos e assegurar que a paz e a segurança sejam salvaguardadas em todo o território nacional.

As declarações do chefe de Estado foram transmitidas na rádio nacional.

A segurança nas regiões anglófonas do Camarões, no auge de uma séria crise sócio-política durante um ano, deteriorou-se consideravelmente em algumas semanas.

No entanto, 10 membros das forças de segurança camaroneses foram mortos em menos de um mês. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.