Ler Agora:
Marroquinos representam o continente na competição
Artigo completo 2 minutos de leitura

Marroquinos representam o continente na competição

O Wydad Athletic Club de Casablanca (Marrocos) é o representante africano no Campeonato do Mundo de futebol de clubes, a ter lugar de 6 a 16 de Dezembro, nas cidades de Abu Dhabi e Al Ain, nos Emirados Árabes Unidos.

A equipa marroquina e o CF Pachuca do México defrontam-se a 9 de Dezembro às 17h00, no estádio Sayed Sports City, em Abu Dhabi, para os quartos-de-final da competição. O vencedor do desafio joga com o campeão da América do Sul, no dia 12 de Dezembro em Abu Dhabi, para as meias-finais do Mundial.

O Real Madrid, campeão da UEFA Champions League e detentor do título, está apurado automaticamente para as meias-finais e aguarda, no dia 13 de Dezembro em Abu Dhabi, pelo vencedor do jogo entre Al Jazira e Auckland City.

Apuramento
Para chegar à fase final do Mundial, a equipa marroquina venceu o Al Ahly do Egipto, no cômputo das duas “mãos” da final da 21ª edição da Liga dos Clubes Campeões, por 2-1. No segundo desafio o Wydad derrotou no sábado o Al Ahly, por 1-0, no estádio do complexo Prince Moulay Abdellah, na cidade de Rabat.

Na primeira “mão”, marroquinos e egípcios empataram a uma bola, no dia 28 de Outubro, no estádio Borg El Arab, na cidade de Alexandria. O sorteio do Mundial foi realizado no dia 9 de Outubro, em Abu Dhabi. Vão competir os Campeões da Liga dos Clubes Campeões de África, Ásia, América do Norte (CF Pachuca), Auckland City (Oceânia) e Al Jazira (Emirados Árabes Unidos).

A primeira edição da prova foi disputada em Janeiro de 2000 no Brasil, mais de 30 anos após a ideia lançada por Stanley Rous, em 1967, e quase 40 anos depois da primeira tentativa de organizar a competição, em 1962. Teve como primeiro vencedor o Corinthians, do Brasil, do Estado de S. Paulo (Jornal de Angola)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »