Radio Calema
InicioAngolaRegiõesFalta de energia eléctrica dificulta o Centro Materno do Muconda

Falta de energia eléctrica dificulta o Centro Materno do Muconda

A falta de energia eléctrica no Centro Materno Infantil do município do Muconda, província da Lunda Sul, tem dificultado o seu normal funcionamento, sobretudo na área de maternidade, no período nocturno, revelou hoje, terça-feira, o director da instituição, Cassongo Calumbo.

Em declarações à Angop no final da visita que o governador provincial Ernesto Kiteculo efectuou à unidade sanitária, o responsável fez saber que o Centro era alimentado por um gerador de 200 KVA que não funciona há três meses, por avaria.

Como alternativa, os partos nocturnos são realizados com ajuda de velas e lanternas, exigindo dos profissionais maior responsabilidade.

Acrescentou que, no período nocturno, o Banco de Urgência da Pediatria também funciona nas mesmas condições, o que tem criado muitos constrangimentos no atendimento aos pacientes.

Fez saber que o Centro debate-se ainda com a falta de uma ambulância para transportar pacientes graves para a Maternidade Provincial e Hospital Geral da Lunda Sul, onde existem vários especialistas.

“Na ausência de ambulância, os familiares alugam viaturas particulares ou a administração municipal disponibiliza uma viatura quando pode”, desabafou.

O Centro Materno do Muconda, que funciona desde 2014, possui 33 camas, sendo 10 para crianças e 23 para maternidade. (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.