Radio Calema
InicioDestaquesParque Escolar e "os truques da acusação". Sócrates volta ao YouTube (vídeo)

Parque Escolar e “os truques da acusação”. Sócrates volta ao YouTube (vídeo)

O antigo primeiro-ministro volta a fazer a sua defesa na plataforma de vídeos.

José Sócrates está de volta ao YouTube, com uma série de vídeos em que faz a sua defesa.

O tema é a Parque Escolar, o extenso programa de requalificação de escolas, que é abordado por Sócrates num vídeo de mais de seis minutos, que dividiu depois em duas partes.

O antigo governante fala da ‘motivação política” sobre a matéria, afirmando que “a verdade é que durante quatro anos a investigação não encontrou nada minimamente censurável na ação que foi desenvolvida pela empresa Parque Escolar”.

Nem “influência política, nem qualquer contrato ilegal, nada”, diz ainda, acrescentando que os procuradores “decidiram inventar” ilegalidades para o acusar.

Sócrates prossegue a sua defesa falando no que descreve como “os truques da acusação” num processo que diz respeito às suas ligações ao Grupo Lena, de Carlos Santos Silva, e a empresa Parque Escolar

Neste vídeo, de mais de seis minutos, Sócrates fala da Parque Escolar declarando que, “de todas as acusações, esta é talvez a mais viciosa, porque toda ela é baseada em truques com números e numa evidente manipulação da realidade”.

Sócrates adianta ainda que, “dos 2.283 contratos realizados pela Parque Escolar, a empresa Lena ganhou 14”, justifica, acrescentando que o grupo de Carlos Santos Silva “apresentou o preço mais favorável”.

Tais dados, acredita, “categoricamente desmentem a ardilosa montagem feita pela acusação”.

“A segunda razão para a existência desta acusação é essencialmente política”, afirma, defendendo que o Ministério Público “se junta à Direita política” para “criminalizar” um projeto, a Parque Escolar, que foi um dos marcos da sua governação. (Noticias ao Minuto)

por Pedro Filipe Pina

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.