Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Governador de Cabinda quer universidade na resolução dos problemas

A Universidade Onze de Novembro (UON) foi exortada na terça-feira pelo governador de Cabinda, Eugénio Laborinho, a contribuir na procura de soluções para os problemas que se prendem com bem-estar social das populações.

Ao intervir na abertura das IX Jornadas Novembro Académico, Eugénio Laborinho lançou um repto para que a UON seja o bastião na defesa da identidade nacional, como forma de preservação cultural.

Garantiu prestar apoio institucional e pessoal à Universidade Onze de Novembro (UON), Terceira Região Académica do país que abarca as províncias de Cabinda e Zaire.

Eugénio Laborinho afirmou ter perfeita consciência dos problemas que a universidade vive, no concernente a falta de materiais, infra-estruturas, financeiros, dentre outras questões que condicionam o desenvolvimento da instituição.

Por sua vez, o reitor da UON, João Fernando Manuel, disse que as jornadas Novembro Académico têm a particularidade de acontecerem num momento especial, por abrirem espaço onde os investigadores da universidade e os estudantes finalistas apresentam o produto das suas investigações.

Com a duração de três, o evento decorre sob lema “UON: Um contributo ao desenvolvimento socioeconómico e cultural das províncias de Cabinda e Zaire”.

O evento estender-se-á às comunidades dos municípios de Cacongo, Buco-Zau e Belize com a realização de mesas redondas e consultas de rastreios de doenças como a hipertensão arterial, diabetes, dentre outras.

Na sessão de abertura os participantes assistiram a uma aula magna sobre “Culturas regionais, Universidade e Desenvolvimento: diálogo necessário e permanente- abordagem antropológica da questão”, ministrada pelo professor Francisco Sumbo Sebastião. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »