Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Cuanza Norte: Ministro da Energia avalia operacionalidade da barragem de Cambambe

O ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges realizou hoje, domingo, uma visita de avaliação do grau de operacionalidade da barragem de Cambambe, na província do Cuanza Norte, após beneficiar recentemente de obras de modernização e ampliação à luz de um programa do governo de elevação dos níveis de geração de electricidade no país.

A visita do governante enquadra-se no âmbito de uma radiografia que efectua desde sexta-feira última aos vários aproveitamentos hidroeléctricos construídos no médio Kwanza, nomeadamente, as barragens de Capanda, Laúca e de Cambambe.

Na barragem de Cambambe e em companhia de uma vasta delegação do seu pelouro, o ministro visitou demoradamente o referido aproveitamento hidroeléctrico que viu elevada o seu potencial de produção de 260 para 960 megawatts electricidade, após a entrada em funcionamento da central de produção número 2, em Junho último.

No local, o ministro recebeu explicações dos técnicos da Empresa Pública de Produção de Electricidade (PRODEL), que apesar da baixa do caudal do rio Kwanza em decorrência de um período longo de estiagem, o complexo alimentado por duas centrais que comportam quatro unidades geradoras/cada, regista um nível de produção de energia a 100 por centro.

João Bapstista Borges, que não falou à imprensa, foi informado da inexistência de qualquer constrangimento que possam obstaculizar o normal funcionamento do referido complexo hidroeléctrico, cujo funcionamento é actualmente assegurado por técnicos angolanos e maioritariamente jovens.

Recorde-se que, a modernização da barragem de Cambambe marcada pela entrada em funcionamento da Central II está permitir elevar o fornecimento de electricidade às províncias de Luanda, Cuanza Norte, Malanje e Cuanza Sul, num projecto que compreendeu ainda a construção de novas linhas de distribuição de alta e média tensão entre Cambambe e a subestação de Catete (400 KV), Cambambe/Laúca (400 kv), Cambambe/Gabela (220 kv) e Cambembe/Dondo/Cassoalala.

O investimento abarcou ainda a reabilitação e expansão das linhas de distribuição em Cassoalala/Zenza/Massangano à luz do Plano de Segurança Energética de Angola, aprovado pelo Executivo em 2011, que prevê que mais de 14 milhões de angolanos tenham acesso à energia eléctrica até 2025.

A Barragem de Cambambe constitui o primeiro aproveitamento hidroeléctrico construído no curso médio do rio kwanza. Localizado a 180 quilómetros a Leste de Luanda, a mesma foi inaugurada a 6 de Outubro de 1963, pelo então almirante português, Américo Deus Rodrigues Thomaz, tendo sido projectado com uma albufeira de retensão de água com 80 milhões de metros cúbicos. (Angop)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »