Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Antiga ministra da Cultura eleita directora da UNESCO

A antiga ministra francesa da Cultura, Audrey Azoulay, foi eleita na sexta-feira directora-geral da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), derrotando o qatari Hamad Al-Kawari por 30 votos, contra 28 para o seu adversário

Audrey Azoulay é filha de André Azoulay, da minoria judia marroquina, actualmente conselheiro do rei Mohammed VI.
De 45 anos de idade e nascida em Paris, Audrey Azoulay foi uma funcionária de alta categoria, mulher política francesa e antiga ministra da Cultura e Comunicação do Governo de Manuel Valls, entre 2016 e 2017.
O novo rosto da UNESCO foi conselheira em Cultura e Comunicação do Presidente francês, François Hollande, que a nomeou depois ministra em Fevereiro de 2016.

Fala fluentemente inglês e espanhol, além do francês. A sua candidatura à direcção-geral da UNESCO foi apresentada a 15 de Março pelo Governo francês.

A televisão egípcia anunciou que a delegação permanente do Egipto junto da UNESCO apresentou um memorando oficial, na sexta-feira, pedindo um inquérito sobre o que chamou de “violações flagrantes” que teriam manchado a eleição da nova directora-geral da organização. O comunicado não dá nenhuma precisão sobre a natureza destas violações. Depois da eleição da nova directora-geral, o Egipto exprimiu os seus “sinceros agradecimentos” pelo apoio dado pelos países “irmãos e amigos” ao Egipto durante o escrutínio organizado de 9 a 13 de Outubro na sede da UNESCO.

A UNESCO, entidade guardiã do património cultural da humanidade e de onde os Estados Unidos decidiram se retirar, já havia sido marginalizada pelos americanos entre 1984 e 2003.

Os Estados Unidos anunciaram oficialmente, na semana passada, a sua decisão de se retirar da UNESCO, acusando a instituição de ser “anti-israelense”. (Jornal de Angola)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »