Instituto de Cacuaco com agenda especial

A criação de actividades que proporcionem momentos de lazer e diversão aos alunos do Instituto Médio Politécnico de Cacuaco foi o principal objectivo de uma jornada sócio cultural e recreativa realizada no fim de semana, nas instalações do referido estabelecimento de ensino.

“O programa, que contou com a parceria da Associação dos Estudantes do Instituto, foi realizado no quadro das actividades extra-escolares trimestrais, tendo em vista a mobilização e consciencialização da comunidade estudantil”, informou ontem ao Jornal de Angola o director da instituição, Ventura José Salvador.

Criar estratégias de mobilização e consciencialização que permitam mais participação dos docentes nas actividades extra-escolares e procurar parcerias para a realização de mais actividades extra-curriculares e de complemento curricular, têm sido os principais desafios do instituto, destacou Ventura José Salvador.

Sublinhou a importância de uma relação de proximidade “mais visível e actuante entre escola e família, bem como com as comunidades.”

Entre as actividades realizadas durante a jornada o destaque vai para a palestra subordinada ao tema “Desenvolvimento Energético de Angola”, que teve como oradores Jacinto Luís, da Hidroeléctrica de Cambambe, Francisco António, do Ciclo Combinado do Soyo e Mono Katusevana, da Hidroeléctrica de Laúca.

Os palestrantes exibiram um documentário sobre as fases de concepção, construção, operacionalização, vantagens e benefícios desses projectos para o desenvolvimento sociocultural e económico de Angola, seguindo-se a sessão de perguntas e respostas. “O ciclo de palestras trouxe à escola os grandes projectos”, disse o director do Instituto. (Jornal de Angola)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »