Radio Calema
InicioMundoEuropaFrança condena mãe de jihadista

França condena mãe de jihadista

A justiça francesa condenou esta quinta-feira a mãe de um jihadista morto na Síria a dois anos de prisão por financiamento de terrorismo. Nathalie Haddadi diz que vai recorrer da decisão.

A mãe do jihadista franco-argelino, Belabbas Bounaga, supostamente morto na Síria, foi condenada esta quinta-feira a dois anos de prisão depois de ter sido acusada de financiar o terrorismo.

Diante da justiça Nathalie Haddadi justificou-se, afirmando que apenas enviou dinheiro ao filho, mas aos olhos do Tribunal Correccional de Paris a mulher de 43 anos foi considerada culpada por ter ajudado o filho, delinquente radicalizado, a abandonar o território francês, numa altura em que este estava impedido de sair do país.

Sobre Nathalie Haddadi recaem ainda as acusações de ter pago os bilhetes de avião, de ter escondido o passaporte e de ter enviado dinheiro ao filho que se encontrava na Malásia, uma etapa do périplo que o conduziu à Síria, onde acabou por se juntar à organização jihadista do Estado Islâmico.

Todavia os juízes não ordenaram a prisão imediata da mulher como era exigido pelo Ministério Público. À saída da audiência Nathalie Haddadi, emocionada, declarou que vai recorrer da decisão. (RFI)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.