Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Seul promete “duro castigo” às provocações de Pyongyang

O Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, instou hoje ao fortalecimento das capacidades defensivas do país e assegurou que Seul vai responder com um “duro castigo” às “provocações imprudentes” de Pyongyang.

“A determinação do nosso Governo em proteger a paz requer capacidades defensivas fortes. Responderemos às provocações imprudentes com um duro castigo”, disse Moon numa cerimónia comemorativa do dia das Forças Armadas.

Durante a celebração, realizada no quartel da segunda frota da Marinha em Pyeongtaek (a 70 quilómetros de Seul), foi exibido armamento estratégico, incluindo projéteis balísticos Hyunmoo-2 e mísseis de cruzeiro Hyunmoo-3.

Apesar de a mensagem de Moon não ser nova, o lugar escolhido para a cerimónia, a exibição de armamento e a insistência na necessidade de reforçar sistemas de ataque preventivo serviram para sublinhar o fortalecimento da postura de Seul perante os contínuos testes de armas por Pyongyang.

“Sem uma defesa forte, não podemos nem protegermo-nos, nem conseguir paz”, sublinhou Moon Jae-in perante cerca de 3.700 efetivos reunidos em Pyeongtaek, segundo um comunicado e o discurso divulgado pelo gabinete presidencial.

Moon iniciou o seu mandato em maio com uma proposta de diálogo com o regime de Kim Jong-un, que Pyongyang rejeitou, argumentando que Seul devia afastar-se da influência de Washington.

Desde então, a Coreia do Norte lançou dez mísseis balísticos, incluindo os primeiros de alcance intercontinental, e realizou um teste nuclear no passado dia 03 de setembro, o que gerou novos pacotes de sanções da ONU. (Notícias ao Minuto)

por Lusa

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »